Relação do Ensino Brasileiro e a GR

Por: Bárbara Raquel Agostini.

Ginástica Rítmica: do Contexto Educacional à Iniciação Ao Alto Rendimento.

Send to Kindle


Resumo

Neste capítulo, faremos uma abordagem educacional sobre o ensino da Ginástica Rítmica, que pode ser desenvolvido nas escolas, em projetos sociais e projetos de extensão das instituições de ensino superior. A GR trabalhada neste sentido em muito se diferencia do treinamento de rendimento. E mesmo nas séries iniciais do treinamento o educador deve compreender que os aspectos técnicos não podem se sobrepor aos aspectos lúdicos. Já que o trabalho se inicia aos cinco anos de idade, a ênfase técnica deve se sobrepor somente a partir dos sete anos. Portanto, uma perspectiva educacional escolar será a questão central a ser discutida neste capítulo.
Outra questão a ser abordada será o ensino da GR nos cursos superiores de Educação Física. Esta pede-nos muito carinho e atenção, pois, assim como outras modalidades ginásticas, a GR é um dos componentes curriculares dos cursos de graduação em Educação Física em nosso país.
Temos a convicção de que o ponto de partida para um melhor conhecimento deste tema é entender como a transição de paradigmas do século XXI ocorreu e ainda vem ocorrendo na Educação Física, trazendo questões elementares ao ensino da Ginástica Rítmica em campo escolar.

Tags: ,

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.