Relação Entre Absenteísmo as Aulas de Educação Física, Nível de Satisfação e Ser Fisicamente Ativo

Por: Gáston César García, Jorge Enrique García e José Carlos Cuevas García.

Lecturas: Educación Física y Deportes - v.24 - n.259 - 2019

Send to Kindle


Resumo

Introdução: um estilo de vida sedentário na Argentina vem aumentando ano após ano. Isso pode ser devido à falta de adesão à atividade física. O objetivo deste trabalho foi relacionar o absenteísmo às aulas de educação física (ACEF) com os níveis de satisfação produzidos pelo exercício (BPNES) e a intenção de realizar atividade física (MIFA), em estudantes do ensino médio. Material e método: participaram 214 estudantes do ensino médio de 11 escolas da província de Catamarca, Argentina. O ACEF foi obtido dos prontuários das aulas de educação física (CEF). Foram utilizados levantamentos MIFA e BPNES. Resultados: foram registrados 21,8±8,9 (CEF) ditados, os seguintes valores foram obtidos nas pesquisas aplicadas, BPNES 4,3±0,8 e MIFA 3,9±0,8. Foi demonstrado que o ACEF obteve associação estatisticamente significante com MIFA (0,70) e BPNSE (0,65) e quando o nível de absenteísmo foi superior a 70%, essa associação foi maior para MIFA (0,95) e BPNSE (0,96). Observou-se diferença estatisticamente significante nas escolas particulares e estaduais do ACEF (23±20% versus 47±25%) e no ACEF entre estudantes que não praticavam esporte extracurricular e praticantes (42±30% versus 31±24%). Conclusão: O ACEF em estudantes do ensino médio está relacionado aos baixos níveis de satisfação que a tarefa produz e com a intenção de ser fisicamente ativo no futuro, nas escolas participantes.

Endereço: https://www.efdeportes.com/index.php/EFDeportes/article/view/1179

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.