Relação Entre a Percepção do Esforço e o Consumo de Oxigênio de Reserva em Diferentes Intensidades de Exercício

Por: Brunno Silva, Felipe Cunha, Lenifran Matos-santos, Paulo de Tarso Veras Farinati, Rafael Ronchetti e Walace David Monteiro.

XXXV Simpósio Internacional de Ciências do Esporte - SIMPOCE

Send to Kindle


Resumo

Introdução: A percepção de esforço (PE) é um indicador de intensidade do exercício, muito utilizado no controle do treinamento em diferentes contextos. Todavia, a relação entre o comportamento desta variável e o VO2 de reserva (VO2R) em atividades contínuas de longa duração ainda não está clara Objetivo: Analisar as relações entre o VO2R e a PE, a partir da escala de Borg (CR-10), em exercícios com mesma duração, conduzidos em diferentes percentuais do VO2R. Além disso, avaliou-se a relação entre a PE atingida em intensidade de esforço padronizada no teste cardiopulmonar de exercício e a obtida em diferentes intensidades do exercício aeróbio.

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.