Relação Entre Prática de Caminhada no Lazer e Pressão Arterial em Repouso: Comparação Entre Homens e Mulheres

Por: D. C. Queiroz, J. S. Codogno, K. A. K. Koyama, L. A. Gobbo, R. A. Fernandes e S. J. Ricardo.

IX Congresso Internacional de Educação Física e Motricidade Humana XV Simpósio Paulista de Educação Física

Send to Kindle


Resumo

A hipertensão arterial é uma das doenças mais prevalentes na população, causando prejuízos à saúde e financeiros. O exercício físico tem se mostrado como fator importante na redução da pressão arterial, sendo que a caminhada apresenta destaque por ser uma das atividades físicas com mais fácil acesso à população, uma vez que pode ser praticada em diversos ambientes e não depende do uso de equipamentos. Assim, o objetivo do estudo foi analisar se existe relação entre prática de caminhada no lazer e valores de pressão arterial em repouso entre pacientes atendidos em Unidades Básicas de Saúde (UBS), de acordo com o sexo. Foram avaliados 541 pacientes de ambos os sexos, com idade igual ou superior à 50 anos, atendidas por duas UBS da cidade de Presidente Prudente. Para avaliação da atividade física praticada pelos pacientes no momento do lazer, foi aplicado o questionário de Baecke, utilizando questões referentes à caminhada (domínio atividades de locomoção e tempo livre). A pressão arterial em repouso foi aferida no momento da entrevista utilizando os critérios exigidos no protocolo da VI Diretriz Brasileira de Hipertensão Arterial. Para análise estatística foi utilizado o teste de correlação de Pearson e seus respectivos intervalos de confiança de 95% (Software BioEstat 5.0). No presente estudo foi encontrado que entre homens a prática de caminhada no lazer foi relacionada com menores valores de PAD (r= -0.157 [IC95%: -0.306; -0.001]), mas não de PAS (r= -0.084 [IC95%: -0.238; +0.074]). Entre mulheres (n= 372), a prática de caminhada não foi relacionada à PAS (r= -0.009 [IC95%: - 0.111 a +0.093]) e PAD (r= 0.016 [IC95%: -0.086 a +0.117]). Conclui-se que, em pacientes do sexo masculino a prática de caminhada está relacionada a menores valores de PAS, entretanto o mesmo não foi encontrado para o sexo feminino.

Endereço: http://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/motriz/article/view/10060/10060

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.