Relação Entre Pressão Arterial Sistólica e Diastólica com a Razão Cintura Para Estatura em Escolares da Cidade de Ponta Grossa

Por: André de Camargo Smolarek, Antonio Carlos Smolarek, Luís Paulo Gomes Mascarenhas e Wagner de Campos.

Cinergis - v.10 - n.1 - 2009

Send to Kindle


Resumo

O índice de massa corporal (IMC) é utilizado para apontar os indivíduos que estão com excesso de peso principalmente em estudos epidemiológicos, porém sua medida não engloba a região abdominal. Já a razão cintura para estatura (RCE) vem contemplar de forma adequada este problema de medida, pois divide o perímetro abdominal (PC) pela estatura (EST) do indivíduo, indo diretamente ao ponto de fundamental importância que é o acúmulo de gordura na porção central do corpo. Objetivo deste estudo foi verificar a relação entre a razão cintura estatura com a pressão arterial sistólica e diastólica de escolares de 6 a 10 anos da cidade de Ponta Grossa, Paraná. A amostra foi constituída de 128 alunos escolares de seis a dez anos de idade de ambos os sexos (63 meninos e 65 meninas). Foram aferidos massa corporal e estatura onde verificou-se IMC, PC onde calculou-se RCE, e pressão arterial sistólica (PAS) e diastólica (PAD). A análise de dados foi descritiva (média, desvio padrão e frequência) teste de normalidade e correlação de Pearson com p< 0,05. Resultados: ouve relação significativa entre a PAS de meninas e meninos com a RCE, entretanto para a PAD não foi constatada significância. Podemos concluir que existe uma associação entre a RCE e a PAS para meninas e meninos, porém para a PAD essa associação não ocorre, reforçando o fato de que a RCE é mais uma ferramenta a ser utilizada para verificar risco a distúrbios cardiovasculares em populações pediátricas.

Endereço: https://online.unisc.br/seer/index.php/cinergis/article/view/894

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2017 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.