Relações Entre Composição Corporal e Desempenho Anaeróbio em Jovens Futebolistas

Por: Dino Aguiar Cintra Filho, Eduardo Quieroti Rodrigues e Sergio de Sousa.

Revista Brasileira de Ciência & Movimento - v.21 - n.4 - 2013

Send to Kindle


Resumo

Composição corporal e desempenho anaeróbio são índices importantes para o sucesso do futebolista, haja vista que o aspecto corporal dentro dos padrões esportivos está associado a bons valores de parâmetros anaeróbios. O objetivo do presente estudo foi investigar a relação entre composição corporal e desempenho anaeróbio de jovens futebolistas. Métodos: 20 futebolistas (13,47 ± 0,12 anos; 52,35 ± 4,14kg; 162,59 ± 16,59 cm) realizaram: 1) Análise da composição corporal. 2) Sprint de 30 metros. 3) Sprint de 60 metros. 4)Teste de Saltos Verticais sem e com contramovimento (SVSC e SVCM). O tratamento estatístico se deu através do teste de Shapiro-Wilk para verificação de normalidade e, Pearson para correlação, com significância de p< 0,05 (Software Statistica7). Resultados: As variáveis de composição corporal apontaram relações entre 0,46 e 0,65, sendo que o componente ósseo apresentou o maior número de associações com o desempenho anaeróbio. Dessa forma, conclui-se que a composição corporal está relacionada com as variáveis de desempenho anaeróbio.

Endereço: http://portalrevistas.ucb.br/index.php/RBCM/article/view/4012

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.