Relato de Experiência: o Ensino do Badminton Por Meio da Pedagogia do Esporte

Por: David Rodrigues Teixeira, Érica da Silva Coelho, Ismael Barreto Neves Júnior, Luan Pereira Lima e Vitor Antonio Cerignoni Coelho.

XXI Congresso Brasileiro de Ciências do Esporte e VIII CONICE - CONBRACE

Send to Kindle


Resumo

Os estudos advindos da Pedagogia do Esporte orientaram novas estruturas de ensino dos esportes, especialmente dos esportes coletivos, para Garganta (1998) a superação de métodos clássicos promoveu a ascensão do método sistêmico. Para além dos esportes coletivos Aburachid e Greco (2009) propuseram esses princípios para os esportes de raquetes (tênis, tênis de mesa, badminton, entre outros), para esses autores, boa parte dos conteúdos que os professores de Educação Física ensinam nas escolas está direcionado aos jogos esportivos coletivos (JEC’s). Os JEC’s são atividades divertidas, lúdicas, atrativas, mas também, apresentam caráter competitivo dotado de aspectos técnicos e táticos. Desta forma, é importante saber qual método utilizar para ensinar o esporte na escola. Deve-se priorizar uma pedagogia que respeite o aluno, dê a ele oportunidades para evoluir dentro e fora do jogo, fazer com que compreendam os motivos que os fazem jogar e proporcionar a solução de problemas táticos e técnicos. Corroborando com estes aspectos Moura et al. (2008) destacam que, o papel do profissional ao trabalhar por meio da Pedagogia do Esporte deve ser de educador, ou seja, o professor não deve dar a resposta ao aluno, mas criar possiblidades para que o aluno resolva os problemas do jogo de forma autônoma, e utilizar a tática de jogo nas mais diversas situações, fazendo com que se estabilize o aprendizado, por meio de feedbacks, ou momentos de reflexões. Assim o objetivo do estudo foi realizar uma aula de badminton por meio da Pedagogia do Esporte utilizando o método situacional com adolescentes de uma escola do ensino fundamental II no estado do Tocantins.

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.