Relato de Experiência Sobre a Política Pública de Esportes Para Crianças e Adolescentes na Cidade de Belo Horizonte-MG

Por: Khellen Cristina Pires Correia Soares, Petter de Figueiredo Gontijo e Sara Lage Meira.

XXI Congresso Brasileiro de Ciências do Esporte e VIII CONICE - CONBRACE

Send to Kindle


Resumo

INTRODUÇÃO

Este trabalho trata-se de um relato de experiência acerca do Programa Esporte Esperança (PEE) desenvolvido pela Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (SMEL) de Belo Horizonte. O PEE foi criado em 2002 e tem o objetivo de democratizar o acesso e a vivência do esporte educacional para crianças e adolescentes de 3 a 17 anos, tendo em vista que esses são direitos estabelecidos pela Constituição Federal (CF) e pelo Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), contribuindo para a melhoria da qualidade de vida, para a interiorização de valores éticos e para a formação cidadã. Ademais, é sabido que o esporte pode contribuir para promoção da saúde, para a sociabilidade, para a educação e tem um incrível potencial de gerar autoconhecimento e transformação pessoal às crianças e aos adolescentes.

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.