Representações Sociais de Educação Física Por Alunos Trabalhadores do Ensino Noturno

Por: Giane Moreira dos Santos Pereira.

Motriz - v.14 - n.1 - 2008

Send to Kindle


Resumo

A Educação Física no ensino noturno ainda apresenta muitas lacunas, por isso a presente pesquisa teve por objetivo identificar as representações sociais de Educação Física sustentadas pelos alunos trabalhadores desta modalidade. Esse tema foi apresentado, por meio de entrevistas semi-estruturadas, a 44 alunos do ensino noturno da rede de ensino do município de Belford Roxo e do Rio de Janeiro. A análise retórica do material discursivo indicou que os estudantes consideram que ela se refere a: esporte, diversão e saúde e apontam sua prática para duas direções: a Educação Física ou é para falar ou para fazer. Como conclusão, foi possível apreender indícios de que as representações sociais de Educação Física para estes alunos trabalhadores condensam-se na metáfora remédio. Esta se encontra subordinada a representação de corpo que aparece como depósito de energia, e relaciona-se com o campo de representação de desenvolvimento humano; de gênero; e de escola.

Endereço: http://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/motriz/article/view/1259/1595

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.