Reprodutibilidade dos Parâmetros do Modelo de Potência Crítica em Cicloergômetro

Por: Daniel Müller Hirai, Fábio Yuzo Nakamura, Lúcio Flavio Soares Caldeira, Luiz Augusto Buoro Perandini, Nilo Massaru Okuno e Patrícia Chimin.

Revista Mackenzie de Educação Física e Esporte - v.7 - n.1 - 2008

Send to Kindle


Resumo

O presente estudo verificou indicadores de reprodutibilidade dos parâmetros do modelo de potência crítica (PC) em cicloergômetro. Participaram do estudo 20 jovens do sexo masculino. A PC e a capacidade de trabalho anaeróbio (CTA) foram estimadas a partir de quatro testes preditivos (TP-1). Após TP-1, as potências foram aleatoriamente apresentadas (TP-2) para o cálculo de reprodutibilidade. Análise de variância foi utilizada para comparar as medidas. O coeficiente de correlação intraclasse (CCI) foi utilizado para verificar a reprodutibilidade dos pares de valores. Não foram encontradas diferenças nas estimativas de PC e CTA em TP-1 e TP-2 (P > 0,05). Os valores do CCI mostram que a PC estimada apresenta elevada reprodutibilidade, enquanto que a CTA não apresenta o mesmo comportamento.

Endereço: http://editorarevistas.mackenzie.br/index.php/remef/article/view/1222

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.