Respostas Fisiológicas Durante Uma Temporada de Treinamento em Jovens Nadadores

Por: Paula Tamburi Borges.

101 páginas. 2011 25/03/2011

Send to Kindle


Resumo

O presente estudo teve com objetivo verificar e comparar alguns efeitos fisiologicos, bioquimicos e de desempenho em nadadores durante uma temporada de treinamento. Inicialmente foi realizada para caracterizacao da amostra, a estatistica descritiva, com media e erro-padrao, para todas as variaveis coletadas. Com o objetivo de verificar os efeitos causados por cada fase de treinamento, foi realizado um teste de normalidade Shapiro - Wilk e depois realizada a Analise de Variancia (ANOVA) com medidas repetidas entre os valores encontrados nos cincos momentos de coletas, seguido do post-hoc de Bonferroni. Para todas as analises foi utilizado o pacote estatistico PASW 18.0 for Windows, com a significancia fixada em p.0,05. Foram realizadas cinco avaliacoes durante uma temporada de treinamento na natacao, entre elas: Momento 1: pos repouso, Momento 2: pos fase de acumulacao, Momento 3: pos fase de transformacao, Momento 4: pos fase de realizacao e Momento 5: pos competicao. Foram realizadas avaliacoes antropometricas para caracterizacao da amostra, e aplicacao do recordatorio alimentar, avaliacao da variabilidade da frequencia cardiaca, coletas sanguineas venosas e um teste de esforco maximo na piscina (uma repeticao de 100 metros em piscina olimpica). Com as coletas sanguineas, foram realizadas analises de sistema hematologico, sistema imunitario, biomarcadores musculares, e macronutrientes, como calcio e magnesio. Existiram diferencas significativas em varios momentos nas variaveis, alteracoes significativas em relacao ao repouso e sua volta aos valores normais antes da competicao, e tambem da variabilidade da frequencia cardiaca, onde foi observado que os atletas tiveram adaptacao fisiologica ao treinamento que foi realizado. As variaveis observadas retornaram aos valores de repouso ou se mantiveram durante toda a temporada, que nos remete a entender que os atletas estavam em melhor desempenho, com sistema imunitario ativo, boa adaptatibilidade do sistema nervoso autonomo, e com respostas hematologicas, condizentes com a temporada em que se encontravam.

Endereço: http://hdl.handle.net/1884/26603

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.