Respostas Termográficas dos Esforços em Atletas de Voleibol

Por: Noeme Alves Morais,, Priscilla de Araújo Costa Sousa, Ricardo Alexandre Rodrigues Santa Cruz e Vitória Andrade Araújo.

Corpoconsciência - v.21 - n.2 - 2017

Send to Kindle


Resumo

O objetivo do estudo foi analisar as respostas termográficas provenientes dos esforços realizados por jovens atletas em uma partida simulada de voleibol. Participaram 17 jogadoras pertencentes a seleção roraimense infanto-juvenil. Foram coletados termogramas do bíceps, tríceps, quadríceps e isquiotibiais das atletas antes e após a partida. Os resultados dos termogramas apresentaram variações de 0,8°C e 0,7°C nos lados direito/esquerdo do bíceps, 0,7°C e 0,8°C para o tríceps direito/esquerdo respectivamente. Na musculatura inferior, a análise termográfica apontou maiores variações para a musculatura do quadríceps após o jogo, com valores de 1,5°C para o lado direito e 1,1°C para o lado esquerdo. Os músculos isquiotibiais dos lados direito e esquerdo apresentaram aumentos de 0,7°C. Concluímos que uma partida de voleibol ocasiona alterações térmicas nos músculos, com maior concentração nos quadríceps. Consideramos ainda, a termografia como um método que apresenta importante papel na mensuração e controle do desgaste físico em partidas de voleibol.

Endereço: http://periodicoscientificos.ufmt.br/ojs/index.php/corpoconsciencia/article/view/4959

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2021 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.