Revisão Etiológica da Lombalgia em Ciclistas

Por: , Karinna F. S. Matias, Rodrigo R. Bini e Thiago Ayala M. Di Alencar.

Revista Brasileira de Ciências do Esporte - v.33 - n.2 - 2011

Send to Kindle


Resumo

A dor lombar é uma disfunção comum entre ciclistas e há tempos sua ocorrência tem sido relacionada ao ajuste dos componentes da bicicleta e sua relação com as características anatômicas do ciclista. O objetivo do presente estudo foi revisar os fatores etiológicos da lombalgia em ciclistas considerando artigos das bases de dados SciELO, PubMed e Scopus, publicados de 1965 a 2011, complementados, quando pertinente, por referências de livros citados por estes artigos. Os resultados indicam que flexão de tronco excessiva, discrepância de comprimento dos membros inferiores, quadro e/ou demais componentes da bicicleta de dimensão inapropriada, falta de ajuste da bicicleta ou ajuste inadequado, fraqueza da musculatura lombo-pélvica, déficit de flexibilidade e desvios posturais pode comprometer o desempenho e o conforto do ciclista sobre a bicicleta, principalmente em percursos de longa distância, podendo levar à lombalgia. Desta forma, o ciclista com lombalgia deve ser avaliado quanto às diferentes variáveis apontadas na literatura de modo a identificar os fatores etiológicos desencadeadores da disfunção lombar para proceder as correções necessárias.

Endereço: http://www.oldarchive.rbceonline.org.br/index.php/RBCE/article/view/698

Ver Arquivo (PDF)

Tags: ,

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.