Revista América: a Voz dos Americanos (1947-1950)?

Por: Marcus Vinicius Costa Lage.

FuLia - v.2 - n.1 - 2017

Send to Kindle


Resumo

O presente artigo se propõe a analisar as representações do futebol profissional e, mais precisamente, do América Futebol Clube de Belo Horizonte veiculadas pela revista América: a voz dos americanos editada na capital mineira entre novembro de 1947 e janeiro de 1950. Por meio da investigação da coletividade que viabilizou a publicação, a revista América se apresentou como um produto de jornalistas esportivos profissionais da cidade e de grupos políticos do clube. Essa dupla vinculação impactou o discurso da revista que, assim, enquadrou os assuntos políticos do clube, em um momento ou outro, na cobertura popular do futebol, contemplando tanto a perspectiva do lucro e do mercado editorial, como a preocupação dos dirigentes esportivos com a legitimação de suas ações.

Referências

ALTAMIRANO, Carlos. Introducción general. In: ALTAMIRANO, Carlos (org.). Historia de los intelectuales en América Latina: la ciudad letrada, de la conquista al modernismo. Buenos Aires: Katz Editores, 2008, p. 9-27.

A PARADA de 1945. O Diário Esportivo, Belo Horizonte, v. 1, n. 6, 30 ago. 1945, p. 12.

APELIDO do craque – Helio Biriba. América: a voz dos americanos, Belo Horizonte, ano 2, n. 5, nov. 1948, p. 15.

CASTRO, Maria Céres Pimenta S.. Efêmeros e permanentes: os ardis da memória da imprensa de Belo Horizonte. In: LINHARES, Joaquim Nabuco. Itinerários da imprensa de Belo Horizonte: 1895-1954. Belo Horizonte, MG: Fundação João Pinheiro, Centro de Estudos Históricos e Culturais, 1995, p. 13-41. (Coleção Centenário).

CPDOC; FGV. Lima, Otacílio Negrão de [Verbete]. In: Dicionário Histórico-Biográfico Brasileiro. Rio de Janeiro: Fundação Getúlio Vargas, 2009. Disponível em goo.gl/V1VCBf. Acesso 30 jun. 2016.

DAMO, Arlei Sander. A diversidade futebolística e a dinâmica das emoções na versão espetacularizada. In: ______. Do dom à profissão: formação de futebolistas no Brasil e na França. SP: Aderaldo & Rothschild Ed., Anpocs, 2007, p. 33-67.

DUAS vitorias inesquecíveis. América: a voz dos americanos, Belo Horizonte, ano 2, n. 2, jun. 1948, p. 13.

EMISSORA Continental [publicidade]. América: a voz dos americanos, Belo Horizonte, ano 2, n. 11, jul.-ago.-set. 1949, p. 8.

LAGE, Marcus Vinícius Costa. As condições de produção dos periódicos dos clubes de futebol de Belo Horizonte (1946-1950). In: Anais do V Encontro de Pesquisa em História (EPHIS V), Belo Horizonte, 2016 (no prelo).

LIE, Nadia. Casa en cifras. In: Transición y transacción. La revista cubana Casa de las Américas (1960-1976). Bélgica: Ediciones Hispamérica. Leuven University Press, 1996, p. 25.

LINHARES, Joaquim Nabuco. Catálogo de periódicos (1895-1954). In: Itinerários da imprensa de Belo Horizonte: 1895-1954. Belo Horizonte, MG: Fundação João Pinheiro, Centro de Estudos Históricos e Culturais, 1995, p. 42-612. (Coleção Centenário).

LUCA, Tânia Regina de. A grande imprensa no Brasil da primeira metade do século XX. In: Anais da 9ª Conferência Internacional da Brazilian Studies Association (Brasa), Tulane University, 2008.

MACUMBA no futebol. América: a voz dos americanos, Belo Horizonte, ano 2, n. 3, jul.-ago. 1948, p. 23.

MECENAS das artes, da cultura e dos esportes. América: a voz dos americanos, Belo Horizonte, ano 2, n. 3, jul.-ago. 1948, p. 7.

NOSSA capa. América: a voz dos americanos, Belo Horizonte, ano 2, n. 2, jun. 1948, p. 3.

O DECA mostrou em Santos sua classe. América: a voz dos americanos, Belo Horizonte, ano 2, n. 5, nov. 1948, p. 6.

O PREFEITO Otacílio Negrão de Lima auxiliará o Turfe na Capital. América: a voz dos americanos, Belo Horizonte, ano 2, n. 5, nov. 1948, p. 6.

OSVALDO Nobre, um presidente dinâmico. América: a voz dos americanos, Belo Horizonte, ano 2, n. 10, mar.-abr.-maio-jun. 1949, p. 10-11.

PAIVA, Carlos. 1ª parte – história. In: Enciclopédia do América: Bahia com Timbiras, onde nasceu uma paixão; a história do América Futebol Clube de Belo Horizonte 1912-2012. Belo Horizonte: Editora Alicerce, 2012, p. 33-190.

PAIVA, João Cirino. Metalusina, expressão gloriosa do esporte em Minas Gerais. América: a voz dos americanos, Belo Horizonte, ano 2, n. 11, jul.-ago.-set. 1949, p. 10-12.

PEREIRA, Cipião Martins. Experiência revolucionária. América: a voz dos americanos, Belo Horizonte, ano 1, n. 1, nov. 1947, p. 4-5.

PEREIRA, Socrates Alves. O herói do América. América: a voz dos americanos, Belo Horizonte, ano 2, n. 2, jun. 1948, p. 6.

PETRONIO espera viver no America os seus maiores dias. América: a voz dos americanos, Belo Horizonte, ano 2, n. 3, jul.-ago. 1948, p. 14-15.

PRATA, Nair. A história do rádio em Minas Gerais. In: Anais do XXVI Congresso Anual em Ciência da Comunicação, 2003, Belo Horizonte. Belo Horizonte: INTERCOM – Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação, 2003, 19 f. Captado em goo.gl/oPKCp7. Acesso 27 jun. 2016.

PRIMEIRA pagina. Henrique Diniz. América: a voz dos americanos, Belo Horizonte, ano 2, n. 12, jan. 1950, p. 3.

ROCCA, Pablo. Por qué, para qué una revista (sobre su naturaleza y su función en el campo cultural latinoamericano). Hispamerica, año XXXIII, n. 99, dic. 2004, p. 3-20.

RUY Gervásio Avelar Importador [publicidade]. América: a voz dos americanos, Belo Horizonte, ano 2, n. 11, jul.-ago.-set. 1949, p. 16.

SANTOS, Roberto P. dos. 48, o ano do América. América: a voz dos americanos, Belo Horizonte, ano 2, n. 2, jun. 1948, p. 19.

SANTOS, Roberto P. dos. Conversando com Negrinhão. América: a voz dos americanos, Belo Horizonte, ano 2, n. 6, dez. 1948, p. 4.

SCHWARTZ, Jorge. De lo estético a lo ideológico: Klaxon e Revista de Antropofagia. In: SOSNOWSKI, SAÚL (Org.). La cultura de un siglo. América Latina en sus revistas. Buenos Aires: Alianza Editorial, 1999, p. 51-64.

SEGUNDO número. América: a voz dos americanos, Belo Horizonte, ano 2, n. 2, jun. 1948, p. 3.

SERVIÇO especial do Jornal dos Sports e do O Globo Esportivo [publicidade]. América: a voz dos americanos, Belo Horizonte, ano 2, n. 12, jan. 1950, p. 7.

SILVA, Marcelino Rodrigues da. Entre o jornalismo e as artes. Paralelamente à popularização do futebol, a crônica esportiva surgiu e se consolidou como gênero jornalístico. Revista do Arquivo Público Mineiro, História e arquivística, Belo Horizonte, ano L, n. 1, jan.-jul. 2014a, p. 132-147.

SILVA, Marcelino Rodrigues da. Quem desloca tem preferência: ensaios sobre futebol, jornalismo e literatura. Belo Horizonte: Relicário, 2014b.

SILVA, Marcelino Rodrigues da. Mil e uma noites de futebol. O Brasil moderno de Mário Filho. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2006.

SOLON, Lucio. Meridional, campeão invicto de Lafaiete. América: a voz dos americanos, Belo Horizonte, ano 2, n. 12, jan. 1950, p. 14-15.

TAMBÉM o sete terá seu estádio, graças ao auxílio do Prefeito Negrão de Lima. América: a voz dos americanos, Belo Horizonte, ano 2, n. 4, set.-out. 1948, p. 15.

UM APELIDO: Didi, o caminhão. América: a voz dos americanos, Belo Horizonte, ano 2, n. 3, jul.-ago. 1948, p. 25.

VIVENDO de ilusões. América: a voz dos americanos, Belo Horizonte, ano 2, n. 11, jul.-ago.-set. 1949, p. 3 e 16

Endereço: http://www.periodicos.letras.ufmg.br/index.php/fulia/article/view/10990

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.