Rugby

Por: Carlos José Barcellos de Oliveira e Fernando Luís de Oliveira.

Atlas do Esporte no Brasil.

Send to Kindle


Resumo

O Rugby surgiu na Inglaterra em 1823, sendo o marco de memória sempre citado, a criação, nesta data, da Rugby School of England. Em 1871, foi organizada, também na Inglaterra a Rugby Union, uma instituição que deu partida à expansão do esporte nos países de língua inglesa, e depois no âmbito internacional. Hoje há 80 países que apresentam iniciativas de Rugby, cuja característica comum é a manutenção do amadorismo. No Brasil, a modalidade apareceu também na segunda metade do século XIX, naturalmente praticado por ingleses e/ou seus descendentes brasileiros. Em 1950, Tomás Mazzoni escreveu um livro sobre as memórias do futebol em que confirma tal fato, atribuindo uma origem comum a ambos os esportes no país. Segundo o historiador Paulo Várzea, o primeiro clube de esportes que adotou a modalidade no Brasil foi fundado em 1875, por H.L. Wheatley, C.D. Simmons, A. MacMillian, Amaral, Robinson e Cox, recebendo, posteriormente, a denominação de Paissandu Cricket Clube. Neste clube, deficiências do campo para a prática do football contribuíram para a realização dos primeiros exercícios de Rugby. Em 1891 foi criado, também no RJ, o Clube Brasileiro de Futebol Rugby, o primeiro a cultivar efetivamente este esporte no Brasil. Os fundadores foram Alfredo Amaral Fontoura, Virgílio Leite, Oscar Vieira de Castro, Edwin Ral, Sidney Cox, Augusto Amara e Luiz Leonel Moura. Este último era recém chegado da Inglaterra, onde fora educado e aprendera o Rugby. Em 1896, ainda segundo Mazzoni, regressava dos EUA o professor Augusto Shaw, do Mackenzie College, mais um que passou a desenvolver o esporte no país. O próprio futebolista Charles Muller . um dos pioneiros do soccer no Brasil . foi um jogador de Rugby, tendo organizado, em 1895, o primeiro time em São Paulo.

Ver Arquivo (PDF)

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.