Saúde e Trabalho: o Caso das Professoras de Educação Física Que Atuam em Academias de Ginástica no Rio de Janeiro

Por: e Ludmila Mourão.

Corpus Et Scientia - v.1 - n.2 - 2005

Send to Kindle


Resumo

O objetivo desse estudo é analisar as condições de vida e o cotidiano das professoras de Educação Física que atuam em academias. As inquietações motivadoras deste trabalho surgiram de observações do cotidiano dessas profissionais e da vivência de mais de 20 anos na área. Trata-se de uma pesquisa qualitativa, onde foram entrevistadas seis professoras. Observou-se que a totalidade das entrevistadas tem dificuldade de manter hábitos de vida saudáveis em função da longa jornada de trabalho e das discrepâncias nos horários de trabalho. Alimentação, sono, lazer, e irregularidades para descanso e atividade física, são as dificuldades encontradas, já que todas trabalham em três ou mais locais.

Endereço: http://apl.unisuam.edu.br/revistas/index.php/corpusetscientia/article/view/182/150

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.