Sensibilidade Palmar de Nadadores

Por: Gustavo Ricardo Schutz.

154 páginas. 2014 28/05/2014

Send to Kindle


Resumo

A sensibilidade palmar é uma interpretação consciente de estímulos sensoriais oriundos do meio e pode apresentar relação com a precisão na execução de movimentos de nadadores. Assim, este estudo objetivou identificar e relacionar a sensibilidade palmar como nível técnico,somado a possíveis fatores de interferência (fase 1). Também se verificou indicadores de eficiência do nado(fase 2) e de desempenho na fase propulsiva da braçada (fase 3) em função da sensibilidade palmar.Participaram 105 nadadores da fase 1, sendo mensurada a sensibilidade palmar (monofilamentos Semmes-Weinstein) e a importância atribuída acinestesia/propriocepção (questionário), além da fi cha de identificação, estabelecendo-se três grupos: Superiores (n=17), Me
dianos (n=43) e Inferiores (n=45). Para a fase 2, determinou-se dois grupos de Melhor (n=11) e Pior sensibilidade (n=10), verificando: velocidade média (vm), frequência e comprimento de braçada(FB e CB/CBn) e índice de nado (IN), por meio de análise de vídeo da prova de 100m nado Livre (dividida em dois trechos). Na fase 3, determinou-se nove pares diferentes quanto à sensibilidade palmar, mensurando: força máxima(Fmax), força média (Fmed), tempo de aplicação da força (t) e impulso (I),por meio do sistema Aquanex 0,89±0,13/0,94±0,13 (s); e I de64,3±17,8/67,2±22,6 e 66,0±18,9/66,7±17,0 (N.s), para mãos dominante/não dominante nos grupos Melhor e Pior sensibilidade. Nadadores com melhor níveltécnico apresentaram maior sensibilidade palmar. Idade, tempo de treinamento, metragem diária e número de sessões semanais e com exercícios de propriocepção podem interferir na maior sensibilidade palmar, assim como a importância atribuída. Nadadores com melhor sensibilidade palmar apresentaram maiores CB/CBn evm, resultando em melhor IN. Nadadores com menor sensibilidade palmar apresentaram maiores F max e não houve diferença para F med, t e I. Acredita-se ter ampliado o conhecimento acerca da sensibilidade palmar de nadadores, através de uma ferramenta que possibilitou quantificá-la e apontar sua relação a fatores associados.

Endereço: http://ppgef.ufsc.br/

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.