Sites ConstruÍdos Por Adolescentes: Novos EspaÇos de Leitura/escrita e SubjetivaÇÃo

Por: Maria Teresa de Assunção Freitas.

Cadernos Cedes - n.65 - 2005

Send to Kindle


Resumo

O artigo relata uma pesquisa qualitativa de abordagem sócio-histórica, que teve como objetivo a compreensão de sites construídos por adolescentes, como espaços de leitura/escrita e de subjetivação. A leitura/escrita hipertextual se dinamiza e flexibiliza na e pela linguagem, que trava um diálogo com outras interfaces semióticas, o que origina diversificadas formas de textualidade e gêneros discursivos. A partir da categoria do dialogismo bakhtiniano, compreendemos como o hipertexto digital favorece o diálogo entre textos e entre pessoas. Os adolescentes transitam pelo espaço cibernético, reelaborando vivências próprias de seu cotidiano a partir das práticas discursivas que ali produzem. Discutimos, portanto, como os sites construídos por adolescentes podem estar propiciando, por meio da leitura/escrita digital, novas formas de interação e novas possibilidades para a constituição da sua subjetividade. Palavras-chave: Leitura/escrita. Sites. Adolescentes. Subjetivação.

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.