Sobreposição de Distúrbios Esofágicos Funcionais e Síndrome do Intestino Irritável em Músicos e Esportistas.

Por: Dan Lucian Dumitrascu, Daniel-corneliu Leucuta e Sebastian Nedelcut.

Revista Brasileira de Medicina do Esporte - v.24 - n.1 - 2018

Send to Kindle


Resumo

Introdução: Os distúrbios gastrintestinais funcionais (DGIF) são os mais comuns na população em geral. Esses distúrbios podem se sobrepor, diminuindo a qualidade de vida. Objetivo: Analisamos a prevalência dos distúrbios funcionais esofágicos (DFE) e da síndrome do intestino irritável (SII), sua sobreposição e os fatores associados em músicos e esportistas. Métodos: Realizou-se um estudo transversal por meio de questionários sobre DGIF e fatores associados, administrados a quatro grupos: instrumentistas, cantores, esportistas e um grupo controle de voluntários saudáveis. Resultados: Dos 161 indivíduos, 62 (38,51%) tinham só DFE, 76 (47,2%) tinham só SII e 23 (14,29%) tinham sobreposição de DFE e SII. Os indivíduos com sobreposição de DFE e SII tinham sintomas mais intensos de SII, especialmente fezes duras e encaroçadas e constipação em comparação com os que tinham só SII. O subtipo SII foi mais frequente no grupo de sobreposição, enquanto o tipo SII indefinido foi menos frequente. Quanto ao DFE, verificamos que os indivíduos com sobreposição DFE-SII tinham mais sintomas de azia funcional e menos de disfagia funcional. Houve maior risco de sobreposição em instrumentistas e fumantes. Conclusões: DFE e SII são frequentes em músicos e esportistas. Os indivíduos com sobreposição de DFE e SII apresentaram sintomas mais frequentes e mais severos. Os instrumentistas e os fumantes têm maior risco de sobreposição. Nível de Evidência IV; Série de casos.

Endereço: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_abstract&pid=S1517-86922018000100069&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.