Surfe é Estilo de Vida: Motivação Para a Prática em Mulheres Jovens

Por: André Accioly Nogueira Machado, , Ewerton Sousa de Abreu, Gerson Paulo Pereira Neto e Jessica de Freitas Nascimento.

Licere - v.20 - n.1 - 2017

Send to Kindle


Resumo

Com a popularização cada vez mais notória do surfe, a procura pela modalidade aumentou abruptamente e o esporte ganhou os mais diversos adeptos. As mulheres vem mostrando interesse pela modalidade e é cada vez mais frequente a presença das mesmas no ambiente do surfe. O objetivo do presente estudo foi analisar os aspectos motivacionais envolvidos com a aderência e permanência a prática de surfe em mulheres jovens. A pesquisa foi feita com 20 mulheres que iniciaram ou realizam a prática através de serviços oferecidos por escolinhas de surfe, por no mínimo seis meses. Para a análise dos dados, foi utilizado o questionário “Inventário de Motivação à Prática Regular de Atividade Física” - IMPRAF-54 e um questionário estruturado, elaborado pelos autores, com questões sobre características motivacionais específicas da modalidade surfe. Os resultados da pesquisa mostram que o prazer, o bem estar e a qualidade de vida são os principais fatores para a aderência e permanência no esporte. Observa-se que a competitividade foi à dimensão motivacional menos citada no estudo. Podemos concluir que a procura pelo surfe se dá pela felicidade, liberdade e bem estar que a prática dessa modalidade acarreta para os praticantes.

Endereço: https://seer.ufmg.br/index.php/licere/article/view/4431

Comentários


:-)





© 1996-2018 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.