Talento Desportivo: Estudo Exploratório Sobre a Estrutura Somato-motora em Jovens Atletas de Futsal

Por: M. Alves.

VII Congresso de Educação Física e Ciências do Desporto dos Países de Língua Portuguesa

Send to Kindle


Resumo

O presente estudo objetiva descrever e comparar o perfil somato-motor de jovens atletas envolvidos com uma prática desportiva de rendimento em dois níveis de performance e nas funções específicas da equipe, na modalidade de futsal, na categoria infanto-juvenil do sexo masculino. O estudo é do tipo ex postfacto com abordagem descritiva exploratória e comparativa. Aamostra é do tipo não probabilística, voluntária, composta por 48 atletas de 15 a 17 anos, do sexo masculino e foi dividida em dois grupos: G1 selecionados (10 atletas da seleção regional do Rio Grande do Sul); e G2 não selecionados (38 atletas das 4 principais equipes da região). Para este estudo foram selecionadas as seguintes variáveis antropométricas: massa total, estatura, altura tronco-cefálica, envergadura; dobras cutâneas detríceps, sub-escapular, cutânea, suprailiaca e geminal; os perímetros e geminal e braquial tenso, e os diâmetros biepicôndilo-umeral e femural; e os seguintes testes de aptidão motora: impulsão vertical e horizontal, flexibilidade, força de preensão manual, força - resistência abdominal, resistência aeróbia, agilidade, e 20 metros lançados. Para verificar possíveis diferenças estatisticamente significativas, entre as variáveis investigadas nesta modalidade desportiva foi utilizado o teste t-Student. Para a análise nas funções específicas da equipe, adotou-se Anova One Way, ambos mantendo o nível de significância de 0.05. Para a análise da estrutura somato-motora de jovens atletas de futsal, utilizou-se a Análise Fatorial Exploratória. Na mesma faixa etária os atletas analisados apresentam semelhante estrutura somato-motora. As medidas longitudinais, as medidas de massa e de força-velocidade, se consubistanciam como essenciais para a performance do futsal.

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.