Tênis na Comunidade: Relato de Um Projeto Social na Periferia de Uma Cidade Serrana do Rio Grande do Sul

Por: D. Pereira e V. F. Flores.

IX Congresso Internacional de Educação Física e Motricidade Humana XV Simpósio Paulista de Educação Física

Send to Kindle


Resumo

O Tênis é um esporte elitizado, pois seus custos para execução e manutenção de materiais e equipamentos são bastante elevados. O objetivo desse trabalho foi de proporcionar a prática do esporte tênis a crianças de uma comunidade carente em uma cidade serrana do Rio Grande do Sul, transpondo as barreiras e o paradigma de que o esporte só é praticado pela elite. Diante disso formulou-se o seguinte problema: De que forma pode-se disseminar a prática do tênis na periferia de uma cidade serrana do Rio Grande do Sul, à crianças em vulnerabilidade social? Para responder a esse problema, buscouse aderir a materiais e métodos adaptados para a prática do esporte. Primeiramente o espaço para a prática, o qual foi emprestado pela prefeitura municipal dessa cidade, uma quadra poliesportiva, onde foram feitas marcações com fita crepe, em dimensões oficiais de uma quadra de tênis. A rede também é oficial, fixa a dois postes da quadra de voleibol, à altura correta da quadra de tênis. Para a obtenção dos demais materiais, bolas, raquetes, dentre outros, foram feitos cartazes de divulgação e pedidos de doações, fixados a todos os clubes de tênis dessa cidade. Após essa etapa, foram convidados a participar do projeto crianças de baixa renda de escolas da região. O perfil para participação foi o de possuir entre 4 e 22 anos de idade, ambos os sexos, desde que estejam matriculados na rede pública de ensino. Para que possam continuar treinando foi adotado um método de uma tríplice pirâmide, onde a base é a família e a escola e o topo é o treino, e para que o topo não desabe a base deve ser sólida, ou seja, para poder treinar a criança deve ter autorização dos responsáveis, e é realizado um acompanhamento escolar, onde a cada trimestre a criança deve ter aprovação em todas as disciplinas.Esses critérios visam contribuir com o desempenho dos alunos na escola e em sociedade, uma vez que eles gostam de participar do projeto e devem manter seu bom comportamento e boas notas para que possam continuar treinando. Os resultados mostram que aumentou consideravelmente o número de aprovações na escola, e o apoio das crianças nos deveres sociais, bem como em família como na comunidade em que estão inseridos. Caiu em 90% o número de reprovações na escola. Além desse aspecto, o número de frequência escolar também aumentou com expressividade, e diminuiu integralmente a permanência dessas crianças nas ruas, expostas à criminalidade, uso de drogas, exploração sexual e exploração de trabalho infantil, o que antes era uma realidade bem presente e constante na vida dessas crianças. Diante disso, percebe-se que é possível desvincular o esporte tênis da elite, e torna-lo acessível a comunidade carente, e com qualidade, em meio a tantas dificuldades pois a forma como essas crianças encaram o esporte, as dificuldades que possuem em suas vidas,e ao mesmo tempo a possibilidade de voltar a ser criança e a esperança de um futuro promissor vendo no esporte um poder transformador da vida deles.

Endereço: http://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/motriz/article/view/10060/10060

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.