Torcida de Futebol : Adesão, Alienação e Violência

Por: Roberto Romeiro Hryniewicz.

2008 24/04/2008

Send to Kindle


Resumo

Esta pesquisa tem como objeto o torcedor de futebol comum, analisando o que leva um indivíduo a torcer e o que, nessa prática, pode levá-lo à alienação e à violência. Nossos principais referenciais teóricos são a Escola de Frankfurt e a teoria freudiana. Estudamos o futebol sob o aspecto de sua apropriação pela indústria cultural e o torcedor como parte das massas estudadas por Freud (1921/1974a) em Psicologia de grupo e análise do ego e posteriormente pelos frankfurtianos. Dezesseis torcedores de diferentes times foram entrevistados. Formaram dois grupos de oito sujeitos, com base no processo de escolarização: um grupo de torcedores que têm até o ensino fundamental completo e outro de torcedores com ensino médio completo. Os resultados demonstraram certa devoção ao time nos dois grupos, bem como alienação e tendência à barbárie e ao preconceito. Isso ficou mais visível no grupo dos mais escolarizados, o que indica que a educação de hoje pode favorecer esse tipo de atitude.

Endereço: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/47/47131/tde-03062008-165136/pt-br.php

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.