Treinamento de Força/sobrecarga Mecânica e Sinalização do Complexo 1 do Alvo da Rapamicina em Mamíferos na Hipertrofia Muscular em Diferentes Modelos Experimentais: Revisão Sistemática

Por: Adriana Pertille, André Katayama Yamada, Carlos Roberto Bueno Júnior e Vanessa Azevedo Voltarelli.

Revista Brasileira de Ciência & Movimento - v.25 - n.1 - 2017

Send to Kindle


Resumo

O objetivo deste artigo de revisão sistemática foi apresentar o envolvimento da sinalização de aminoácidos e mecanotransdução na ativação do complexo 1 do alvo da rapamicina em mamíferos (mTORC1) na musculatura esquelética de animais e a expressão e papel do mTORC1 em humanos submetidos ao treinamento de força/estímulo mecânico. Foi realizada uma busca na base de dados PubMed com as seguintes palavras-chave: mTORC1, mammalian target of rapamycin complex 1, resistance exercise, strength training, mechanical overload e skeletal muscle hypertrophy, amino acid sensing transporter e mechanotransduction. Evidências demonstram que a ativação do mTORC1 possui correlação positiva com a hipertrofia muscular induzida pelo treinamento de força/estímulo mecânico. O mTORC1 integra diversos sinais oriundos de aminoácidos (sinalização de transportadores e sensores) e estímulo mecânico/treinamento de força (mecanotransdução). Ademais, o emprego de modelos de camundongos mutantes, abordagens genéticas, farmacológicas, cultura de células, modelos experimentais de treinamento de força para animais, assim como estudos com humanos, vêm possibilitando a elucidação destes mecanismos moleculares.

Endereço: https://portalrevistas.ucb.br/index.php/RBCM/article/view/6748

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.