Treinamento Físico Supervisionado Melhora as Habilidades Motoras Finas em Crianças de 5 Anos.

Por: Jianxiong Wang, Mingyang Sui, Sijie Tan e Yugang Qi.

Revista Brasileira de Medicina do Esporte - v.24 - n.1 - 2018

Send to Kindle


Resumo

Introdução: As habilidades motoras finas são importantes para as crianças, não só nas atividades da vida diária, mas também nas atividades de aprendizado. No presente estudo, os efeitos do treinamento físico supervisionado foram investigados em crianças normais. Objetivo: Avaliar os efeitos do treinamento supervisionado, combinando o exercício de corpo inteiro e as atividades de coordenação olho-mão para melhorar as habilidades motoras finas em um grupo de crianças normais de cinco anos de idade. Métodos: Cinquenta e duas crianças foram selecionadas e randomizadas em grupos de exercício e controle. O grupo exercício participou de três sessões de treino de 30 minutos por semana durante 24 semanas. Resultados: As habilidades motoras finas e a força de preensão manual do grupo exercício aumentaram significativamente, enquanto não houve alteração significativa no grupo controle durante o período experimental. Conclusão: Os resultados indicam que o programa de treinamento atual é efetivo e pode ser aplicado a crianças normais de cinco anos de idade para melhorar suas habilidades motoras finas. Além disso, este programa tem atividades físicas simples que são adequadas ao nível físico e mental de desenvolvimento infantil. A sessão de treino de 30 minutos seria facilmente implementada no programa do jardim da infância. Nível de Evidência I; Estudos clínicos randomizado de alta qualidade com ou sem diferença estatisticamente significante, mas com intervalos de confiança estreitos.

Endereço: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_abstract&pid=S1517-86922018000100009&lng=en&nrm=iso&tlng=pt

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.