Uso de Suplementos Alimentares Por Alunos Praticantes de Exercício Resistido (musculação) nas Academias de Fortaleza-ce

Por: Andersson Teixeira.

57ª Reunião Anual da SBPC

Send to Kindle


INTRODUÇÃO:

Os suplementos podem ser definidos como produtos feitos de vitaminas, minerais, produtos herbais, extratos de tecidos, proteínas e aminoácidos consumidos com o objetivo de melhorar a saúde e prevenir doenças, que por interferirem no metabolismo favorecem a performance do atleta .As indicações de uso de suplementos variam enormemente dentre elas a dificuldades para ingerir determinadas quantidades de alimentos necessários para si; se há interesse em reduzir a necessidade de defecção durante alguma competição ou em reduzir o peso corporal para ajudar na melhoria da performance; se existe uma má condição higiênica para consumir certos alimentos numa dieta de supercompensação (alimentos ricos em carboidratos); ou se há a necessidade de uma rápida recuperação muscular; ou se o indivíduo está seguindo um programa de restrição calórica e tem que consumir determinados nutrientes, a utilização do suplemento é adequada. Devem ser utilizados praticantes de atividade física que necessitem de algum nutriente específico e pelos indivíduos que têm déficit nutricional. Percebe-se, no entanto, uma falta de uso dessas recomendações o que acaba acarretando no uso indiscriminado de tais substâncias. No Brasil, onde o controle é tão menos rigoroso o risco se estende. E a ausência de um controle de produção e comercialização coloca em cheque a saúde do consumidor. Este trabalho teve como objetivo traçar o perfil do usuário de suplementos de academias de Fortaleza-Ce

METODOLOGIA:

Trabalho descritivo, exploratório e quantitativo. Foram entrevistados 84 praticantes de musculação em sete academias de Fortaleza, de janeiro a abril de 2005. Todos os entrevistados eram do sexo masculino, faixa etária de 20 a 24 anos. As variáveis investigadas foram: como eles definiam o suplemento, a freqüência e duração do treino, a definição de suplemento alimentar, os objetivos almejados com a sua utilização, a percepção individual da necessidade do uso dos suplementos; se o atleta já havia feito uso anteriormente; quais os principais componentes do suplemento em, uso, o tempo de utilização, como tomou conhecimento das indicações, qual o gasto mensal com o corpo e se houve alguma orientação especializada (nutricionista).

RESULTADOS:

Dos 84 praticantes, 40(47,62%) definiram suplemento alimentar como auxiliar na dieta, 30(35,71%) como complemento alimentar, 7(8,33%) como suprimentos de nutrientes, 2(2,38%) importante e 5(5,95%) não responderam (NR). Quanto à freqüência do treino: 53(63,10%) > 5 vezes/semana,26(30,95%) de 3-4vezes/semana, e 5(5,95%) NR . Quanto a duração dos treinos 36, (42,86%) de 60 a 120min, 34(40,48%) de 30 a 60min, 5(5,95%) >120min, 2(2,38%) até 30min e 7(8,33%)NR. Quanto a motivação: 61(72,62%) para otimizar os resultados, 8(9,52%) que auxiliava o treinamento, 8(9,52%) suprir a carência de nutrientes e 7(8,33%) NR. Quanto ao uso prévio: 55(65,48%) algum tipo de suplemento,14(16,67%) nunca utilizou e 15(17,86%) NR. Quanto a utilização atual de suplemento 43(51,19%) estão utilizando, 36(42,86%) não estão e 5(5,95%) NR. Dos entrevistados 46(54,76%) não procurou orientação. Quanto a composição: 24(28,57%) responderam de proteínas/aminoácidos, 13(15,48%) carboidratos/proteínas, 6(7,14%) carboidratos, 2(2,38%) não sabiam e 39(46,43%) NR. Quando questionado o gasto mensal, 29(34,52%) até r$60,00; 25(29,76%) entre r$60 e r$120,00 e 14(16,67%), acima de r$120,00 e 16(19,05%) NR. Quanto ao tempo de uso 20(23,81%) usam suplementos <3 meses. Quanto a fonte de informações: 21( 25%) responderam que foi através de profissionais da área, 18(21,43%) na academia , 16(19,05)% dos amigos,7(8,33%) pela mídia e 22(26,19%) não responderam

CONCLUSÕES:

Conclui-se que o uso de suplementos alimentares dentro da amostra de praticantes de exercício resistido dentre as academias de Fortaleza é muito grande. a suplementação utilizada pela amostra obtida dos praticantes de treinamento resistido nas academias estudadas de Fortaleza é elevada. O suplemento composto de proteínas/aminoácidos é o mais utilizado. O uso dos suplementos é indiscriminado e sem orientação profissional. A busca de um melhor rendimento associado a uma melhora estética está relacionada ao uso de suplementos já que a finalidade da utilização do produto foi constatada pela maioria dos entrevistados na otimização do treinamento e no ganho de massa muscular

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2021 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.