Validação de Dois Questionários Para a Avaliação da Atividade Física em Adultos

Por: , Evelyn Helena Corgosinho Ribeiro, e Renata Fonseca Inácio Osti.

Revista Brasileira de Atividade Física & Saúde - n.3 - 2013

Send to Kindle


Resumo

Resumo Objetivou-se verificar a validade da versão longa do IPAQ (domínios de lazer e deslocamento) e do questionário Baecke para a medida da atividade física em adultos, tendo a acelerometria como método de referência. Em 2011, 58 adultos com ≥18 anos de idade residentes no distrito de Ermelino Matarazzo (São Paulo, SP) responderam os módulos de lazer e deslocamento da versão longa do IPAQ, o questionário Baecke e utilizaram acelerômetros Actigraph (modelo GT1M) por sete dias. Os testes de correlação de Pearson e de Spearman, t de Student para amostras independentes, de McNemar e a análise gráfica de Bland-Altman foram utilizados para avaliar a relação e concordância entre os métodos. Encontrou-se correlação dos minutos de atividade física moderada à vigorosa (AFMV) da acelerometria com minutos de atividade física de lazer e deslocamento do IPAQ (ρ=0,34; p=0,01). Houve correlação entre o total de counts e o somatório dos escores de exercício físico e de atividade física de lazer e locomoção (r=0,36; p=0,005) e escore total (r=0,54; p<0,001) do questionário Baecke. Houve concordância entre os minutos semanais de AFMV mensurados pela acelerometria e estimados pelo IPAQ. Pessoas classificadas como tendo realizado <150 min/sem pelo IPAQ e que estiveram nos menores tercis nos escores do questionário Baecke apresentaram menores médias de AFMV e de counts mensurados pela acelerometria. Conclui-se que os módulos de lazer e deslocamento do IPAQ e o questionário Baecke apresentaram validade aceitável comparados com a acelerometria e que, portanto, é possível a sua utilização na avaliação da AFMV de adultos brasileiros. 

Endereço: http://www.sbafs.org.br/revista/artigos.php?id_revista=73

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.