Variabilidade dos Indicadores Antropométricos e de Desempenho Físico de Jovens Futebolistas em Função da Idade Cronológica

Por: Daniel Leite Portella.

2010 17/12/2010

Send to Kindle


Resumo

O futebol é o desporto mais praticado e conhecido no mundo e teve uma grande evolução em todos os aspectos. As demandas físicas assumem uma maior importância na atualidade. Para que ocorra de um desempenho de forma otimizada na categoria adulta é necessário entender como se dá o desenvolvimento das capacidades motoras ao longo dos anos. Objetivo: Realizar um acompanhamento transversal de atletas de futebol com idade cronológica entre 11 a 18 anos nos aspectos antropométricos e desempenho físico observando a dinâmica desses aspectos na população específica do futebol. Material e método: 369 jovens futebolistas com idade cronológica de 11 a 18 anos pertencente às equipes competitivas. Para avaliação de massa corporal (Kg) foi utilizada uma balança digital (Filizola). Para estatura (cm) utilizou-se um estadiômetro (Sanny). As circunferências (cm) de braço relaxado, coxa e panturrilha foram avaliadas utilizando uma fita métrica metálica. As avaliações de composição corporal foram realizadas com um adipômetro (Lange) e coletadas as seguintes pregas cutâneas: tricipital, subescapular, abdominal, supra-ilíaca e panturrilha medial. Os indicadores de desempenho motor foram coletados utilizando um conjunto de quatro fotocélulas (Speed Test System) e um tapete de contato (Jump Test) ambos da marca Cefise. Para a análise estatística dos dados foi utilizada a estatística descritiva (média e desvio padrão e coeficiente de variação) para caracterizar a população do presente estudo. Para determinar as diferenças estatísticas entre as idades cronológicas aplicou-se ANOVA TWO WAY com p<0,001 para tal tratamento. Resultados: As curvas de evolução de todas as variáveis analisadas mostraram-se constantes. As variáveis antropométricas demonstraram uma similaridade nos jovens até 12 anos, contudo, a partir de 13 anos os atletas demonstram diferença significante. Quando comparado a média da população do presente estudo em relação às curvas de estatura e massa corporal com estudos pré - existentes, como do NHANES, os valores aqui encontrados são superiores. Os indicadores de desempenho físico demonstram similaridade de comportamento com as variáveis antropométricas até a idade de 12 anos a partir dessa idade o desempenho motor apresenta diferenças significantes na passagem dos 12 para os 13 anos.Conclusão: Atletas jovens de futebol apresentam variabilidade das curvas nas variáveis antropométricas e desempenho físico. A passagem de 12 para 13 anos aponta uma diferença significante para as variáveis do estudo e repete-se com as demais faixas etárias, sugerindo que a idade cronológica gera interferência.

Endereço: http://www.bibliotecadigital.unicamp.br/document/?code=000783740&opt=1

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.