Vislumbrando a Equidade de Gênero: o Inedito Viável nos Campos de Futebol do Brasil

Por: .

Journal of Sport and Social Issues - v.36 - n.3 - 2012

Send to Kindle


Resumo

Entre 1941 e 1979 as mulheres eram legalmente proibidas de jogarem futebol no Brasil. Ainda hoje elas enfrentam dificuldades para jogarem o esporte que é uma das expressões máximas da vida social do pais. O foco deste artigo é sobre os ideais politicos de Juliana Cabral, capitã e lider do time brasileiro feminino de futebol medalhista de prata em Atenas, 2004. Considerando a pouca organização política dentro do esporte brasileiro para contestar a estrutura de g~eneros, eu emprego o conceito Paulo Freiriano de inédito viável para descrever e comentar as idéias de Juliana Cabral sobre equidade de gênero no futebol, bem como suas ações para promover esta equidade. Este é um momento muito especial para contestar a estrutura de gênero no esporte brasileiro, uma vez que os próximos mega eventos no Brasil - a Copa do Mundo em 2001 e os Jogos Olímpicos Rio - 2016 - irão mostrar para o mundo mais uma vez as tensões existentes na estrutura de gênero do Brasil.

Endereço: http://jss.sagepub.com/content/early/2012/09/19/0193723512455924

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.