Warwick Kerr: a Amazônia, os índios e as Abelhas

Por: Marco Antônio Coelho e Warwick Estevam Kerr (Entrevistado).

Estudos Avançados - v.19 - n.53 - 2005

Send to Kindle


Resumo

ENTRE OS DECANOS das ciências naturais no Brasil, dedicado sobretudo aos desafios da Amazônia, Warwick Estevam Kerr destaca-se por cumprir seu dever como cientista e professor, trabalhando com o mesmo entusiasmo de um jovem. Assim o encontramos no campus da Universidade Federal de Uberlândia, em Minas Gerais. Nascido em 1922, em Santana do Parnaíba, em São Paulo, Kerr formou-se engenheiro agrônomo – vencendo as etapas do doutoramento e da livre-docência na Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz”, onde foi professor, e, por quatro meses, chefe do Departamento de Genética. E todos reconheciam que o laboratório de Genética, em Piracicaba, era “um dos mais bem montados da USP”

Endereço: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-40142005000100004&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.