Marketing Esportivo

Ponto de Encontro dos Profissionais, Estudantes e Pesquisadores

Entrar no Grupo

Essa comunidade migrou para o Facebook. Participe: https://www.facebook.com/groups/cevmkt/

Jogos Olímpicos Rj 2016 - Patrocinios



Viva ao Rio de Janeiro. Vamos começar a debater? Georgios 03/10/2009 - 07h31 Copa-2014 e Rio-2016 podem gerar "canibalização" de patrocínios Lello Lopes e Thales Calipo
Em Copenhague (Dinamarca) e São Paulo Os dois maiores eventos esportivos do mundo, realizados no mesmo país, com uma lacuna de apenas dois anos, podem comprometer o potencial de captação de patrocinadores? Com a confirmação do Rio de Janeiro como sede dos Jogos Olímpicos de 2016, aliado à realização da Copa do Mundo de 2014, os gestores esportivos brasileiros responsáveis por cada um destes eventos terão de lutar para não perder parceiros para o "concorrente".

DUELO NOS BASTIDORES
  • EFE/Antonio Lacerda

    Os gestores esportivos da Copa e dos Jogos terão de lutar para não perder parceiros para o "rival"

  • AFP

    Enquanto o Rio inicia nesta sexta sua busca por patrocinadores, a Copa se orgulha por já ter um

Essa, pelo menos, é a opinião do Comitê Olímpico Internacional (COI). No relatório elaborado pela comissão da entidade que avaliou a candidatura do Rio de Janeiro, essa possível divisão dos patrocínios mereceu destaque. "A Copa de 2014, apesar de acelerar o desenvolvimento da infraestrutura, representa um desafio em relação às estratégias de comunicação e marketing."

Como a Copa do Mundo e as Olimpíadas têm seus patrocinadores "fixos", o grande temor do COI está na possível divisão de verba dos patrocinadores locais, que normalmente são empresas do país que abriga o evento em questão.

O assunto foi discutido na apresentação do Rio de Janeiro aos membros do COI nesta sexta-feira em Copenhague.

Para Amir Somoggi, especialista em gestão e marketing do esporte da Crowe Horwath RCS, as empresas brasileiras, principalmente as estatais, podem acabar interessadas em patrocinar os dois eventos esportivos, mesmo que suas estratégias sejam, historicamente, a de focar no futebol ou nos esportes olímpicos. Porém, os altos custos das cotas podem fazer com que os investimentos sejam mais direcionados.

"A Petrobras, por exemplo, se patrocinar a Copa do Mundo, também vai querer as Olimpíadas? Dinheiro ela tem, mas será que irá existir interesse? Teoricamente ela está alinhada com os Jogos Olímpicos [já que também patrocinou o Pan do Rio de Janeiro], mas estamos falando de outros eventos, então pode haver uma canibalização da verba publicitária", advertiu o especialista.

Enquanto o Rio de Janeiro inicia já nesta sexta-feira sua busca pelos patrocinadores para as Olimpíadas, a Copa do Mundo brasileira se orgulha de contar com um apoiador. Em abril deste ano, o Itaú firmou acordo para ser o primeiro parceiro local do evento. Mesmo assim, os organizadores dos Jogos Olímpicos mostram otimismo com o cenário.

"Explicamos para o COI duas coisas. A primeira é que o mercado de publicidade do Brasil é um dos mais competitivos do mundo. Um exemplo é o sistema bancário. Tem um grande banco que é patrocinador da Copa do Mundo. Temos três outros bancos do mesmo porte que podem patrocinar a Olimpíada. Também apresentamos ao COI um relatório com os investimentos que acontecerão nos próximos anos, inclusive no período da Copa do Mundo", afirmou Leonardo Gryner, diretor de comunicação da candidatura Rio-2016.

"A preocupação em relação à Copa do Mundo é com o mercado publicitário. Mostramos os exemplos da Cidade do México, em 1968, Munique, em 1972, e Atlanta, em 1996, de que é viável. E a economia brasileira é ascendente, enquanto as outras são descendentes", completou Ruy Cesar, secretário especial da prefeitura do Rio para a Copa do Mundo e a Olimpíada.

Comentários

Por Marcello Von Schneider
em 12-10-2009, às 23h30.

Boa noite.

 

Alguém conhece o pessoal do marketing do Bradesco ou da agência que criou a propaganda parabenizando o Brasil / Rio pela conquista dos jogos de 2016 ?

 

Na narração o locutor fala: "As olimpíadas são nossas..."

 

O Georgios deve ter se remoído no sofá...

 

Abs,

 

Marcello

Para comentar, é necessário ser cadastrado no CEV fazer parte dessa comunidade. Clique aqui para entrar.


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.