Avaliação da Catexe Corporal dos Participantes do Programa de Educação Fisica Gerontologica da Universidade Federal do Amazonas

Por: .

2003 17/11/0203

Send to Kindle


Resumo

A Imagem Corporal é caracterizada pela representação mental do próprio corpo. Teve como grande estudioso Paul Schilder, que abordou a Imagem Corporal considerando os aspectos fisiológicos, psicológicos e sociais. Ele pesquisou crenças, memórias, associações, sentimentos e atitudes corporais de seus pacientes, concluindo que, para maior objetividade científica se usasse um questionário com uma escala acoplada. Através da elaboração da escala da Catexe Corporal ou Body Cathexis (BC), que avalia graus de satisfação ou insatisfação de partes e funções corporais realizada por Secord e Jourard, a proposta de Shilder tornou-se realidade. A escala da Catexe Corporal tem sido muito usada para avaliar a Imagem Corporal (Jourard e Remy, 1957; White e Wash, 1965; Tucker, 1985; Balogun, 1986a e 1987), já que proporciona possibilidades despadronizadas (Roger, 1977) na quantidade de itens a serem avaliado, admitindo, assim, escalas do tipo Likert de 3 a 7 pontos, que enfocam do grau mais insatisfeito ao mais satisfeito. Estudos de Mahoney e Finch (1976a) Tucker (1981,1983a), Balogun (1986a) e Ward, McKeown, Mathew, Jackson e Piper (1994) examinaram a referida escala e constataram multidimensionalidade, validade, consistência interna, estabilidade e segurança. O propósito desta investigação foi verificar a distribuição da Catexe Corporal dos participantes do Programa de Educação Física Gerontológica da Universidade Federal do Amazonas, em Manaus. A Imagem Corporal foi investigada no âmbito da Catexe Corporal, através de escala com 57 itens em sujeitos em fase de envelhecimento. No presente estudo empregamos a escala da Catexe Corporal superposta com itens de Secord e Jourard (1953,1954), e Tucker (1981) preenchida por 271 Acadêmicos da 3ª Idade Adulta da Universidade Federal do Amazonas, em dois momentos distintos: durante a participação de 8 a 9 meses (em outubro e novembro de 2002) no programa de Educação Física Gerontológica e aplicação após 1 mês de férias (em janeiro de 2003). Os sujeitos estavam distribuídos por sexo e nas faixas etárias de 45 a 59 anos (114 mulheres e 7 homens) e maiores de 60 anos (136 mulheres e 14 homens). Os resultados encontrados não apresentam diferenças significativas entre as fases, exceto para a classificação global de membros. Houve diferença significativa entre as médias da Catexe Corporal por sexos e faixa etária. Os homens apresentam maior grau de satisfação que as mulheres. No geral, a Catexe Corporal foi acima de 3, indicando altos graus de satisfação para os sexos e idades. Com os resultados do estudo da distribuição da Catexe Corporal dos participantes do Programa de Educação Física Gerontológica da Universidade Federal do Amazonas, concluímos que para Cabeça, Tronco, Membros, Funções Corporais, Qualidades Físicas e Aparência Global, foi possível verificar graus de satisfação acima de 3. Os participantes apresentam Catexe Corporal alta independente da idade, do ano de ingresso, do número de atividades que participam, ou do número de doenças registradas. A Catexe Corporal diferencia-se somente por sexo, o masculino atingiu graus de satisfação significativamente maiores que o feminino. Acreditamos que a participação no programa de Educação Física Gerontológica da Universidade Federal do Amazonas pode ser uma variável que concorra para uma maior satisfação corporal,para homens e mulheres, uma vez que oportuniza maior contato com o próprio corpo e experiências de cunho funcional e psicossocial.

Endereço: http://www.bibliotecadigital.unicamp.br/document/?code=vtls000310638&opt=1

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.