Associação Entre Sedentarismo no Lazer e Tipo de Trabalho em Uma Comunidade Acadêmica Ludovicense

Por: Alair Reis Araújo, Denilson de Menezes Santos, Emanuel Péricles Salvador, Michele Maria de Oliveira, , Sonny Allan Silva Bezerra e Wellington Roberto Gomes de Carvalho.

XII Congresso Brasileiro de Atividade Física e Saúde - CBAFS

Send to Kindle


.Resumo

O estilo de vida é um fator determinante para mortalidade e morbidade, sendo a atividade física protetora contra doenças, principalmente as crônicas não transmissíveis, como hipertensão e diabetes. Por outro lado, o comportamento sedentário tem sido associado a uma maior mortalidade e a pior qualidade vida. Este é um estudo transversal com objetivo de verificar a existência de associação entre sedentarismo no lazer em adultos e o tipo de trabalho desempenhado (vigoroso, moderado ou leve), em uma comunidade acadêmica composta por discentes, docentes, servidores estatutários e terceirizados (N = 1129). Os dados utilizados foram obtidos pelo “Mapa de Atividade Física e Saúde” (MAFIS), questionário digital online com 97 questões, divididas em 12 blocos, que investigou o estilo de vida dessa população no ano de 2018, em São Luís, Maranhão. Para tanto, utilizou-se uma Regressão Logística Binomial, tendo como variáveis de ajuste: sexo, idade e renda mensal. A análise foi feita no programa opensource JAMOVI, versão 0.9.6.9. O modelo de regressão apresentou p < 0,001 no Overall Model F-Test.

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2021 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.