Comparação dos Níveis de Estresse e Estilo de Vida Entre Praticantes e Não Praticantes de Ginástica Laboral

Por: Fábio Juner Lanferdini e Marluci Manosso.

Revista Brasileira de Ciência & Movimento - v.22 - n.2 - 2014

Send to Kindle


.Resumo

A ginástica laboral (GL) pode ser um meio eficaz para a redução dos níveis de estresse contribuindo para hábitos de vida saudável. Objetivo: comparar os níveis de estresse e estilo de vida de praticantes e não praticantes de GL. Materiais e métodos: 228 funcionários de ambos os sexos (32±10 anos), divididos em G1 (n=114) praticantes de GL e G2 (n=114) não praticantes de GL. Foi aplicado o Inventário de Sintomas de Stress de Lipp (ISSL) e o Perfil de Estilo de Vida (PEVI) de Nahas. Resultados: O G2 apresentou níveis aumentados de estresse (p=0,001). Ambos os grupos apresentaram maior frequência na fase resistência do estresse. No PEVI, identificou-se diferenças para atividade física (p=0,001) e controle do estresse (p=0,005), sendo que G1 apresentou melhores índices de estilo de vida positivo. Conclusão: Praticantes de GL tendem ser menos estressados e a ter um estilo de vida mais saudável em relação aos não praticantes.

Endereço: http://portalrevistas.ucb.br/index.php/RBCM/article/view/3961

Comentários


:-)





© 1996-2021 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.