Comportamento Motor e Educação Física: as Duas Faces de Jano

Por: .

Motriz - v.2 - n.1 - 1996

Send to Kindle


.Resumo

A discussão do papel das áreas de pesquisa na profissão da Educação Física deve considerar necessariamente o processo de caracterização acadê-mica da área. Nos últimos anos, várias tem sido as críticas ao modelo original de disciplina acadêmica da Educação Física. As diferenças entre as áreas de estudo do Movimento Humano e da Educação Física foram apontadas e ressaltadas em detrimento das possíveis similaridades e relações entre elas. Há mesmo a proposta de abandono por completo do modelo de disciplina acadêmica em favor de um fortalecimento da profissão. Um dos pontos impor-tantes sobre a natureza de uma profissão é o de que ela é dependente não só de conhecimentos mas tam-bém da geração de novos conhecimentos, ou seja, a profissão pode ser entendida como um sistema aberto. As concepções sobre a profissão defendidas pelos críticos do modelo de disciplina acadêmica delineam um quadro extremamente passivo da educação física em termos da dinâmica de produção de conhecimentos. De fato, ela é vista como um sistema fechado, ou melhor aberto a energia mas fechado a informação. A ordem é vista como sendo imposta de fora para dentro. O nosso propósito no presente trabalho é o de defender a Educação Física como um sistema aberto. Conseqüentemente demonstrar a inviabilidade de separar sua natureza profissional de sua natureza acadêmica. De um ponto de vista sistêmico, há a necessidade de uma maior integração entre as pesquisas básica, aplicada e tecnológica. As pesquisas básicas necessitam também ser complementadas com pesquisas de natureza integrativa onde os conhe-cimentos básicos sejam testados em situações mais complexas. Com o intuito de tornar mais clara essa concepção qualificamos o objeto de estudo da educação física como Atividade Motora, entendida como um conjunto de atos intencionalmente organi-zados para um fim, o de melhorar a própria capaci-dade para movimento. Nesse caso, o movimento é um fim em si mesmo. Embora relacionadas a Cinesiologia e a Educação Física tem propósitos distintos. A partir desse reconhecimento, é necessário que centros de pesquisa sejam estruturados de forma a abranger o espectro que vai da pesquisa básica até a pesquisa tecnológica. Algumas alternativas são apresentadas baseadas em estudos do comportamento motor humano.

Endereço: http://www.rc.unesp.br/ib/efisica/motriz/02n1/V2n1_REL08.pdf

Comentários


:-)





© 1996-2021 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.