Send to Kindle


.Resumo

A base de conhecimento declarativo do especialista motor deve ser conseqüência dos anos de treinamento esportivo. Essa hipótese foi testada num estudo com onze jogadores de elite regional do handebol. A experiência foi definida operacionalmente em horas de treinamento dedicadas ao longo da vida esportiva e o conhecimento no desempenho em testes de conhecimento declarativo, de memória e de repertório de respostas. A correlação de Pearson entre as horas de treinamento e o desempenho nos testes não foi significativa. Há duas alternativas para explicar esse resultado: uma metodológica, os testes cognitivos seriam inadequados às condições encontradas no jogo; outra teórica em que haveria a existência de um patamar ótimo de conhecimento acerca da modalidade atingido a partir da experiência direta com a modalidade. A opção entre uma e outra depende de novos estudos que repliquem os métodos aqui aplicados e de um desenvolvimento de um novo modelo teórico cujas bases estariam fora do pensamento dominante nessa temática.

Endereço: http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/RevEducFis/article/view/3027/3683

Tags: Nenhuma cadastrada :(

Comentários


:-)





© 1996-2021 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.