Efeitos de Um Programa de Qualidade de Vida no Trabalho e Ginástica Laboral nos Colaboradores da Justiça Federal no Ceará

Por: Isabele Islai da Silva Melo.

Revista de Educação Física, Saúde e Esporte - REFISE - v.2 - n.1 - 2019

Send to Kindle


.Resumo

O objetivo geral deste estudo é analisar os efeitos de um PQVT e da GL nos colaboradores da Justiça Federal no Ceará. Trata-se de uma pesquisa de levantamento com abordagem quantitativa e de natureza aplicada, em que 108 participantes da GL responderam, de agosto a setembro de 2017, um questionário sobre um PQVT e a GL desenvolvidos na organização. Os dados foram analisados pela frequência absoluta, relativa e pela média, utilizou-se os programas da Microsoft Excel e Word 2010. Média de idade das mulheres: 44,2 anos, homens: 46,4 anos. Observou-se que 85% (n=73) dos colaboradores consideraram que as ações do PQVT forneceram informações importantes sobre saúde, 78% (n=67) consideraram que proporcionaram maior integração e 64% (n=55) que ajudaram a controlar seu estresse. Na GL, 67% (n=72) dos praticantes identificaram aumento na consciência corporal, 66% (n=71) melhoraram seus hábitos posturais, 63% (n=68) disseram ficar mais dispostos, 62% (n=67) melhoraram sua capacidade de relaxamento muscular e 59% (n=64) diminuíram seu estresse. Identificou-se que a GL também gerou mudanças de hábitos, em que 82% (n=89) de seus praticantes sentiram-se mais conscientes sobre a importância das pausas no trabalho, 44% (n=47) passaram a realizar alongamentos em outros períodos do dia, 43% (n=46) passaram a vivenciar os ensinamentos discutidos nas aulas e 30% (n=32) iniciaram a prática de exercícios físicos fora do trabalho. Conclui-se por estes resultados, que tanto as demais ações do PQVT como a GL contribuíram para melhorar o bem estar e a qualidade de vida dos colaboradores da instituição de forma integrada.

Referências

ALVES, E. F. Programas e ações em qualidade de vida no trabalho. Revista INTERFACEHS, v.6, n.1, p. 60 – 78, abr. 2011.

ANDRADE, P. P.; VEIGA, H. M. da S. Avaliação dos trabalhadores acerca de um Programa de Qualidade de Vida no Trabalho: Validação de Escala e Análise Qualitativa. Psicologia: Ciência e Profissão, v. 32, n. 2, p. 304-319, 2012.

BASTOS, N. M. G. Introdução à metodologia do trabalho acadêmico. 5. ed. Fortaleza: Nacional, 2008.

CAMPOS, M. O.; NETO, J. F. R. Qualidade de vida: um instrumento para promoção de saúde. Revista Baiana de Saúde Pública, v.32, n.2, p.232-240, maio/ago. 2008.

CANDOTTI, C. T.; SILVA, M. R. da;NOLL, M. LUCCHESE, C. R. Efeito da ginástica laboral sobre a motivação para a prática regular de atividade física. Revista Baianade Saúde Pública,v.35, n.2, p.485-497, abr./jun. 2011.

CANDOTTI, C. T.; STROSCHEIN, R.; NOLL, M. Efeitos da Ginástica Laboral na dor nas costas e nos hábitos posturais adotados no ambiente de trabalho. Rev. Bras. Ciênc. Esporte, Florianópolis, v. 33, n. 3, p. 699-714, jul./set. 2011.

CONSELHO NACIONAL DE SAÚDE. Aprova as diretrizes e normas regulamentadoras de pesquisas envolvendo seres humanos. Resolução n. 466, 12 de dezembro de 2012. Diário Oficial da União, Brasília, n. 12, 13 jun. 2013. Seção 1, p. 59.

FERRACINI, G. N.; VALENTE, F. M. Presença de sintomas musculoesqueléticos e efeitos da ginástica laboral em funcionários do setor administrativo de um hospital público. Rev Dor, São Paulo, v. 11, n. 3, p. 233-236, jul./set. 2010.

FERREIRA, M. C.; ALVES, L.; TOSTES, N. Gestão de Qualidade de Vida no Trabalho (QVT) no Serviço Público Federal: O Descompasso entre Problemas e Práticas Gerenciais. Psicologia: Teoria e Pesquisa, v. 25, n. 3, p. 319–327, jul./set. 2009.

GALLIZA, T. A.; GOETTEN, A. S. Os benefícios da Ginástica Laboral na prevenção dos Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho. Ágora: Revista de Divulgação Científica, Mafra, v. 17, n. 1, 2010.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. 3. ed. São Paulo: Atlas, 1991.

GIORDANI, L. B. Ginástica Laboral e sua influência no estilo de vida:um estudo, acerca de sua contribuição: no relacionamento interpessoal, na alimentação e na prática de atividade física. 2011. 53 f. Trabalho de Conclusão do Curso de (Bacharelado em Educação Física) – Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2011.

JUSTIÇA FEDERAL NO CEARÁ. Comitê de Qualidade de Vida no Trabalho. Programa de Qualidade de Vida no Trabalho Cuidar-se é Legal. Fortaleza, 2015.

LIMA, V. de. Ginástica Laboral: atividade física no ambiente de trabalho.2 ed. São Paulo: Phorte, 2005.

MARTINS, Caroline de Oliveira. Repercussão de um programa de ginástica laboral na qualidade de vida de trabalhadores de escritório.2005. 187f. Tese (Doutorado em Engenharia de Produção) – Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2005.

NAKATA, L. E.; VELOSO, E. F. R.; FISCHER, A. L.; DUTRA, J. S.Uso de pesquisas de clima organizacional no Brasil. Gestão Contemporânea, Porto Alegre, Ano 6, n. 6, p. 45-68, jan./dez. 2009.

ROCHA, I. P. Consciência corporal, esquema corporal e imagem do corpo. Corpus etScientia, v. 5 , n. 2 , p. 26-36, set. 2009.

SANTANTONIO, Natalia San Martin. Impacto de um Programa de Ginástica Laboral sobre a Qualidade de Vida dos Funcionários de uma Empresa Financeira na cidade de Londrina/PR. 2011. 2011. 89f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Educação Física) – Universidade Estadual de Londrina, Londrina, 2011.

SEDREZ, J. A.; ROSA, M. I. Z. da; CUNHA, A.; CANDOTTI, C. T. Avaliação dos efeitos de um Programa de Ginástica Laboral, sobre a dor e a qualidade de vida. Cinergis, v. 13, n. 2, p. 21-26, abr./jun., 2012.

SINNOT SILVA, R.; SILVA, I. da; AZEVEDO DA SILVA, R.; SOUZA, L.; TOMASI, E. Atividade física e qualidade de vida. Ciência & Saúde Coletiva, v. 15, n. 1, p. 115-120, 2010.

SOUZA, F. K. N.; ZIVIANI, F. A Qualidade de Vida no Trabalho correlacionada à prática da Ginástica Laboral. E-civitas Revista Científica do Departamento de Ciências Jurídicas, Políticas e Gerenciais do UNI-BH, Belo Horizonte, v. 3, n. 1, jul., 2010.

THOMAS J. R.; NELSON, J. K. Métodos de pesquisa em atividade física. 3. ed. Porto Alegre: Artmed, 2002.

Endereço: https://intranet.limoeiro.ifce.edu.br/revistas/refise/article/view/55

Comentários


:-)





© 1996-2021 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.