Estratégia Para Melhorar as Situações de Contra-ataque no Basquete Sub-16, Ambos os Sexos

Por: Anahí Alexandra Proaño Báez, Patricio Marino Ponce Guerrero e Wilson Nicolás Caicedo Silva.

Lecturas: Educación Física y Deportes - v.25 - n.265 - 2020

Send to Kindle


Resumo

Introdução: situações de contra-ataque no esporte são elementos consideravelmente importantes do jogo que geralmente são modelados como parte da preparação do esporte; seu empoderamento envolve um aumento abrangente do desempenho esportivo. Objetivo: implementar uma estratégia didática capaz de aperfeiçoar várias situações de contra-ataque em jogadores de basquete sub-16 (ambos os sexos) da Seleção Nacional de Cumbaya. Métodos: Pesquisa quase experimental, estudando a população de jogadores de basquete (ambos os sexos) da Seleção Nacional de Cumbaya (15 jogadores masculinos e 15 femininos). Uma estratégia didática é implementada em dois mesociclos de treinamento, avaliando em dois momentos da preparação esportiva o desempenho do contra-ataque de uma determinada situação de jogo. Resultados: A média inicial do desempenho do contra-ataque masculino foi estabelecida em 1,8 pontos e, no pós-teste, em 2,9 pontos (+1,1 pontos), sendo significativamente diferente (p=0,001). A média inicial do desempenho feminino no contra-ataque foi estabelecida em 1,2 pontos e, no pós-teste, em 2,3 pontos (+1,1 pontos), sendo significativamente diferente (p=0,001). Conclusões: A estratégia de intervenção evidenciou para a presente investigação uma notável melhora no desempenho do contra-ataque dos jogadores de basquete estudados (ambos os sexos), sendo efetiva a estimulação física realizada nos dois mesociclos de treinamento.

Endereço: https://www.efdeportes.com/efdeportes/index.php/EFDeportes/article/view/2229

Tags: Nenhuma cadastrada :(

Comentários


:-)





© 1996-2021 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.