Fidedignidade de Um Protocolo de Avaliação Postural

Por: Cláudia Tarragô Candotti, Fabiana de Oliveira Chaise, Jefferson Fagundes Loss e Tássia Silveira Furlanetto.

Revista da Educação Física - UEM - v.22 - n.3 - 2011

Send to Kindle


.Resumo

O objetivo do estudo foi avaliar o grau de fidedignidade de um protocolo de avaliação postural com o uso um software como ferramenta de avaliação. Foram avaliados 15 indivíduos, em dois dias diferentes, com intervalo de uma semana entre eles, pelo mesmo avaliador. O protocolo de avaliação postural consistiu na preparação da sala, palpação e marcação de pontos anatômicos, registros fotográficos digitais da postura ereta, na postura de perfil direito e de costas e análise da postura, utilizando o software APPID (Avaliação postural a partir de imagem digital). As informações fornecidas pelo APPID obtiveram correlações fortes e significativas para a totalidade das variáveis estudadas, além de apresentar um grau de fidedignidade superior a 75% para todas as variáveis nominais e numéricas. Destarte, o conjunto do protocolo de avaliação postural apresenta fidedignidade e consegue repetir o resultado, desde que respeitados os padrões metodológicos do estudo.

Endereço: http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/RevEducFis/article/view/10124/7767

Comentários


:-)





© 1996-2021 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.