Formação Continuada de Professores da Educação Superior na UFPE: Reflexões Vivenciadas em Curso de Aperfeiçoamento Didático-pedagógico

Por: Ana Karina Morais de Lira (Organizador) e Sandra Patrícia Ataíde Ferreira (Organizador).

UFPE. 2021

Send to Kindle


Sobre a Obra

Fala-se muito em formação continuada na educação básica, porém no ensino superior, na maioria das vezes, não se dá a devida importância à formação pedagógica, com vistas a um acompanhamento mais efetivo do processo de ensino e de aprendizagem que uma formação continuada didático-pedagógica proporcionaria a seus professores, cuja formação inicial não está voltada ao exercício da atividade docente. Visando perceber a relação existente entre a formação continuada de professores no ensino superior e a construção da identidade docente, esta pesquisa buscou compreender implicações da formação continuada na (re) construção da identidade profissional docente de professores universitários, a partir da identificação do processo de formação continuada que está sendo realizado no ensino superior, e da identificação dos elementos que possibilitam o reconhecimento dessa formação na construção da identidade profissional docente. Para isso, fundamentamos essa pesquisa nos estudos acerca do processo de construção da identidade docente, da docência no ensino superior e da formação continuada de professores na educação superior. Dessa forma, utilizamos nesse trabalho, uma metodologia de cunho qualitativo, tendo como campo de pesquisa a Universidade Federal de Pernambuco e como sujeitos os docentes dessa instituição que participaram dos dois módulos do curso de formação continuada oferecido pelo NUFOPE, que exercem a sua função docente nos mais diversos centros do campus do Recife. Sobre o procedimento de coleta de dados foram utilizados o questionário e a entrevista semiestruturada e para o procedimento de análise desses dados, utilizamos a análise de conteúdo, seguindo a orientações de Laurence Bardin (2009). Entre os resultados apontados nas análises, destacamos que embora esses docentes não apresentem, em sua maioria, uma formação inicial voltada a prática pedagógica e que tenham optado pela profissão docente por meio de vários motivos, eles tiveram a oportunidade de refletir sobre a percepção de docência que possuíam, sobre a prática docente que exerciam e sobre a finalidade do exercício de sua função durante a formação continuada didático-pedagógica; embasando assim, a nossa tese de que a formação continuada no ensino superior compõe e organiza a identidade profissional docente. 

Sumário

título página
Um Panorama dos Desafios e Possibilidades das Tecnologias Digitais na Docência do Ensino Superior 112

Endereço: http://www.editoraufpe.com.br/reflexoes-vivenciadas-em-curso/

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2021 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.