Juventude Plugada e as Influências Identitárias

Por: Luís Fernando Gonçalves.

Psicologia do Esporte, Desenvolvimento Humano e Tecnologias: o Que e Como Estudar.

Send to Kindle


Resumo

As transformações da sociedade contemporânea vêm sendo analisadas por diversas disciplinas no campo das ciências humanas, buscando compreender suas implicações para os sujeitos e suas relações sociais. Apresentamos aqui algumas articulações teóricas possíveis entre os conceitos de identidade e buscamos articulá-los com as principais influências e resultados observados no processo de influências identitárias de jovens de uma região específica do estado de São Paulo, sempre considerando o cenário social contemporâneo. 
Buscamos discutir a partir de diferentes teorias sociais e da articulação com o conceito de identificação, enfatizando sua dimensão processual. Por entendermos que o trabalho, no capitalismo contemporâneo, assume configurações como flexibilidade, temporariedade, precariedade, informalidade, produzindo alterações que se expressam no modo de ser dos trabalhadores, acreditamos que os jovens conectados venham a sofrer de iguais influências identitárias. 
Nossas reflexões sobre o contexto produtivo contemporâneo nos levam a afirmar que, apesar das dificuldades, a construção dos processos identitários pelos sujeitos ainda tem lugar. Certamente são posições de sujeitos transitórias e efêmeras, mas não é possível negar a coerência e a continuidade na história de vida de cada um. Tentamos alinhavar os dados coletados em questionários e na análise focal, num ambiente midiático e, a partir disto, localizar elementos que indiquem tais construções identitárias, sempre apoiados no ponto de vista do jovem conectado, que é nosso foco de atenção e de estudo. 

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.