Motivação na Adolescência Para a Prática do Voleibol

Por: João Gurgel de Sousa Junior, Maria de Lourdes Borges e Washington Coelho Silva.

Coleção Pesquisa em Educação Física - v.16 - n.1 - 2017

Send to Kindle


.Resumo

O voleibol foi criado na década de 90, por William G. Morgan, nos Estados Unidos. Atualmente é um dos esportes mais praticados no mundo e o segundo no Brasil. Adolescência é o período de transição entre a infância e a vida adulta, caracterizado pelo crescimento acelerado e pelos impulsos do desenvolvimento físico, mental, emocional, sexual e social. Motivação está associada à palavra motivo, o qual é definido como alguma força interior, impulso, intenção, etc., que leva uma pessoa a fazer algo ou agir de uma determinada forma. O presente estudo objetivou investigar sobre a motivação dos alunos a frequentarem as aulas da escola de voleibol do Jockey Clube de Uberaba. Participaram do estudo 13 estudantes, frequentes nesta escola, que preencheram um questionário, com questões adaptadas do QMAD – Questionário de Motivação para Atividades Desportivas, Fonseca (1999). Resultados, dados percentuais (%): fazer exercício físico (77,77%), estar em boas condições físicas, aprender novas técnicas, ganhar e melhorar minha técnica (72,22%), gastar energia, desenvolvimento no esporte, ultrapassar desafios (66,66%), fazer algo em que sou bom (61,11%) influência dos treinadores, divertimento, competir (55,55%), trabalhar em equipe, espírito de equipe (50%), pertencer a um grupo, fazer novas amizades, manter a forma (44,44%), influência da família (38,88%), outros motivos, entre 5,55% e 33,33%. Conclusão: O conhecimento dos fatores que motivam a prática esportiva é importante para o professor de Educação Física escolar e de clubes esportivos, como referência na elaboração de aulas adequadas e que estimulem a afiliação e manutenção dos alunos na escola.

Endereço: https://www.fontouraeditora.com.br/periodico/home/viewArticle/1212

Comentários


:-)





© 1996-2021 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.