Práticas de Prescrição e Controle de Treino no Remo Perfil de Treinadores Internacionais e Nacionais

Por: Bianca Miarka, , Marcelo dos Santos Vaz e Oguener José Tissot da Costa.

Revista Brasileira de Educação Física e Esporte - v.32 - n.3 - 2018

Send to Kindle


.Resumo

Atualmente, não existem referenciais publicados no Brasil sobre o contexto real de treinamento para futuras prescrições e conduções de pesquisas com intervenções no remo. Por isso, o presente estudo objetivou mostrar a prescrição e o controle do treino de equipes de diferentes países participantes da 2014 World Rowing Coaches Conference. Para isso, dezoito sujeitos (oito brasileiros, dois australianos, dois suecos, um húngaro, um neozelandês, um italiano, um chinês, um peruano e um dinamarquês), responderam um questionário aplicado. Em água, as prescrições mostram prevalência de 56% até 67% de treinos contínuos em baixa/moderada intensidade (≤4mmol.L-1), sem diferença estatística entre as nacionalidades (χ2=0,57 p=0,44). As prescrições de treinamento com pesos mostraram uma frequência semanal de três sessões em 95% dos casos, com mais de 60 min de duração. Dentre os exercícios considerados mais importantes nas prescrições, destacam-se: i) agachamento, ii) remada em decúbito ventral, iii) levantamentos olímpicos, iv) supino e vi) levantamento terra. Esses dados fornecem importantes referenciais para futuras pesquisas e para aplicações práticas na prescrição de treinos contextualizados e específicos para o remo.

Endereço: http://www.revistas.usp.br/rbefe/article/view/170066

Comentários


:-)





© 1996-2021 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.