Seleção e Orientação no Esporte: Fase de Seleção Inicial na GR

Por: Larissa Aleksandrovna Novikova.

Ginástica Rítmica: do Contexto Educacional à Iniciação Ao Alto Rendimento.

Send to Kindle


Resumo

Ao pesquisar o problema do talento esportivo temos que dizer em primeiro lugar que nenhum grande atleta conseguiu seu melhor desempenho, trabalhando por conta própria do começo ao fim. Quem ajuda a detectar o potencial e a usá-lo de forma apropriada são os profissionais e os técnicos. Quanto mais moderno e exato for o processo da seleção e orientação, melhor será o desempenho do atleta, mais estáveis serão as características que acabaram-no determinando.
A seleção no esporte é um conjunto de ações que permitem determinar um alto nível de predisposição (talento) de uma criança para este ou aquele tipo de modalidade esportiva.
A seleção no esporte é um processo longo, que prevê várias etapas, que torna-se efetivo apenas se garantir uma avaliação complexa da personalidade do atleta em todas as etapas do seu treinamento. É uma avaliação que conta com vários métodos de estudo (pedagógicos, médico-biológicos, psicológicos, sociológicos e outros).  
A orientação esportiva prevê o estudo das características e das capacidades do indivíduo que foram usadas como a base para fazer a recomendação sobre que tipo da modalidade esportiva acriança deve praticar. A orientação no esporte tem a ver principalmente com o esporte infanto-juvenil e o de massa. A orientação esportiva organizada de forma apropriada aumenta a eficiência da seleção no esporte.  
A predisposição eminente para determinada modalidade num indivíduo que indica a presença do talento natural serve apenas como a base, mesmo que necessária, para obter as capacidades altamente desenvolvidas para as práticas de esporte. As capacidades reais podem ser detectadas apenas no processo de treinamento e educação, e são a consequência de um conjunto de fatores complexo de caráter dialético — do hereditário e do adquirido, do biológico e do social. Os objetivos da seleção e da orientação variam de acordo com a etapa. Na primeira etapa o mais importante é decidir o quanto será proveitoso continuar a praticar a modalidade escolhida regularmente. Nas próximas etapas o leque dos objetivos aumenta consideravelmente: a orientação do atleta de acordo com a especialização dentro do programa, as eliminatórias para seleções, formação de equipes, etc.
A pertinência da seleção esportiva na etapa atual do desenvolvimento do esporte cresce cada vez mais. Isto se deve ao fato de que a prática da seleção existente não pode ser avaliada nem como suficientemente efetiva e nem como compatível com as exigências atuais do esporte de grandes resultados. O problema torna-se principalmente acentuado quando falamos da necessidade de atingir o maior efeito social e humano no que se diz respeito ao desenvolvimento do esporte juvenil de massa e o de reserva. Fica evidente, que o sucesso da seleção esportiva nas condições atuais dependerá da nossa capacidade de direcionar as melhores ideias e as oportunidades do progresso científico-tecnológico para diagnosticar as capacidades naturais, que determinam o bom desempenho do atleta numa determinada modalidade esportiva.

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.