Sobre Invenções e Capturas: Lutas, Educação Física e Currículo

Por: e Méri Rosane Santos da Silva.

Revista Brasileira de Educação Física e Esporte - v.31 - n.3 - 2017

Send to Kindle


.Resumo

Delimitado pelo tema da constituição recente das lutas como objeto desejado por currículos escolares e acadêmicos de Educação Física, este artigo tem por objetivo problematizar a produção das lutas enquanto um saber que tem merecido a dedicação de uma ordem discursiva acadêmica, científica e pedagógica. A partir de um movimento de pesquisa inspirado no referencial foucaultiano, foi ativado um exercício problematizador guiado por perguntas do tipo: como e por que as lutas se constituem enquanto parte do pensamento da Educação Física? Como resultado, pudemos observar as lutas enquanto o produto de capturas e processos inventivos que põem em funcionamento constantes práticas de significação acerca dos seus aspectos educativos. O destaque de alguns marcos constituintes dessa relação de pertencimento como a apropriação pelas correntes ginásticas e esportivas, sua inserção em currículos de formação e a disputa jurídica acerca de seu reconhecimento como mercado de trabalho, indicam processos descontínuos e contingentes pelos quais tais práticas se constituem em objeto de saber potente ao exercício de produção do conhecimento em Educação Física atualmente.

Endereço: http://www.revistas.usp.br/rbefe/article/view/148565

Comentários


:-)





© 1996-2021 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.