Variáveis Antropométricas e Fisiológicas de Militares do 72º Batalhão de Infantaria Motorizado de Petrolina-pe Submetidos a Diferentes Intensidades de Treinamento de Corrida

Por: André Luiz de Almeida Cavalcanti, José Pereira de Lima Júnio, Marco Aurélio de Valois Correia Júnior, Paulo Adriano Schwingel e Ricardo Freitas Dias.

Arquivos em Movimento - v.9 - n.1 - 2013

Send to Kindle


Resumo

Introdução: O treinamento físico militar (TFM) é fundamental para minimizar o risco de doenças e desenvolver o condicionamento físico necessário ao cumprimento das missões. No entanto, não obedece ao princípio da individualidade. Objetivo: Verificar a influência de três protocolos de treinamento sobre parâmetros antropométricos e fisiológicos. Métodos: Participaram do estudo 45 militares, alocados em três grupos. Todos os grupos realizaram 12 sessões de treinamento. O grupo controle realizou TFM e os grupos G70 e G95 realizaram treinamento físico individualizado (TFI) em intensidades de 70% e 95% do limiar anaeróbico, durante 70% do tempo limite para exaustão. Resultados: Os voluntários apresentavam médias de idade e IMC de 18,7±0,7 anos e 21,9±2,6 kg/m², respectivamente. Para todas as variáveis mensuradas não foram verificadas diferenças entre os grupos nos momentos PRÉ e PÓS. Porém, os grupos experimentais realizaram o TFI em tempo significativamente inferior ao grupo TFM (G95: 25min; G70: 60min; TFM: 90min; p Conclusão: Os resultados demonstram que os protocolos experimentais são tão efetivos quanto o TFM, porém são executados em menor tempo. Neste sentido, o tempo reduzido de execução do treinamento otimiza o tempo de instrução dos militares e intensifica a preparação de instruções técnicas e táticas, sem comprometer o condicionamento físico.

Endereço: https://revista.eefd.ufrj.br/EEFD/article/view/335

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.