CEVCafé

Ponto de Encontro de Toda a Comunidade do CEV. Comunidade Aberta. Tema Livre.

Entrar na Comunidade

Cref / Confef - Absurdo!



Colegas Professores, eu e minha esposa somos Professores de Educação Física formados desde 2005, desde então ela tem o CREF, e eu como atuo na Educação Fisica Escolar, nunca precisei ter o CREF.

Esse ano, felizmente passei num concurso de tecnico de esportes, infelizmente tive de fazer o CREF, como precisei c/ certa urgência, fiz uma procuração p/ minha esposa buscar meu CREF na sede em SP ( somos de Sorocaba, interior de SP).

Minha esposa solicitou que no ato do registro também já emitissem o boleto e comprovação de anuidade, e para nossa grande surpresa, os burocratas não queriam emitir, pois alegaram que na procuração eu apenas solicitava o CREF!!!!!!!

Minha esposa tentou contornar e apenas com muita insistência conseguiu o boleto e comprovante de anuidade, desabafando disse entender no que é gasto nossa anuidade do CREF, e a supervisora do CREF respondeu dizendo que o interesse em ter o CREF era dela!

Ora, quando vamos a uma loja, o interesse em comprar é nosso, nem por isso somos maltratados ou ouvimos um desaforo desses...

A verdade é que sinceramente, não vejo beneficio algum em pagar uma anuidade tão cara para um orgão fiscalizador, penso que deveria ser função do municipio, secretaria da saúde fiscalizar academias, clubes, etc., enfim, só o que vejo é revistas do CREF chegando em casa c/ 3 meses de atraso, com engravatados em simpósios, que nunca são divulgados e nem tem descontos p/ associados que realmente estão na ativa.

Agora, tem essa campanha ridicula de ano da EDucação Fisica Escolar, o que esses famigerados querem é que os Professores que atuem em escolas também se filiem.

Olha, o prédio do CREF é todo enfeitado e em lugar nobre em SP, numa rua só de Bancos, muito sugestivo não acham?

Finalizando, quanto mais me intero sobre o CREF, mais desiludido eu fico...

Comentários

Por Leize Demétrio da Silva
em 02-07-2010, às 09h47.

Oi Clayton...bem-vindo à ilha da fantasia!!!

Não é diferente em lugar nenhum...

Só lamento.

Abraços a todos.

Por Carlos Oda
em 02-07-2010, às 13h23.

Acho que a existência do CREF é necessária, porém ela deveria ser uma instituição que viesse a servir o verdadeiro profissional e não mais um órgão que se torna mais uma inoperante associação que só arrecada dinheiro e pouco faz.

Anuidades absurdas para resultados toscos.

Custo benefício = quase zero.

abçs

Por Irineu Wolney Furtado
em 02-07-2010, às 15h41.

Prezados Colegas!

Penso que há muita a coisa a ser feita em relação aos serviços prestados pelos CREf´s e uma delas entendo ser o retorno aos profissionais do investimento de suas anuidades. Uma forma seria a isenção ou percentual de taxas de inscrição em cursos de aperfeiçoamento ou parcerias / convênios, etc.. Mas devemos contribuir com sugestões. Muita coisa melhorou com a regulamentação da profissão e muita coisa deve avançar, não podemos ficar só reclamando, vamos construir uma profissão ainda melhor e com mais reconhecimento.

Abraços

Irineu 

Por Luiz Roberto Nuñes Padilla
em 02-07-2010, às 18h25.

Prezados:

O relato não supreende após as tentativas dos CREFs de assumirem controle de atividades, inclusive com episódios de contrangimento ilegal, pertinentemente obstados pelo Poder Judíciário, conforme registramos em

www.padilla.adv.br/cref

PS:

Estamos aditando a Introdução ao Direito Desportivo:

ttp://www.youtube.com/my_playlists?p=54CADE1688BDA91B

Aceitamos sugestões

Att.

Pád

Por Nestor Soares Públio
em 03-07-2010, às 13h37.

Acredito estar o companheiro redondamente enganado. Eu também não acreditava no CREF, até que fui convidado para participar de uma Comissão Eleitoral. Quando vi a seriedade do trabalho lá realizado, comecei a colaborar por gostar de disciplina e organização. Me comprometo a receber o companheiro na sede algum dia desses para lhe prestar maiores esclarecimentos. Aliás residindo em Sorocaba, poderia contatar a Prof. Solange ou Pedrinho, que trabalham na secretaria de lá e são coselheiros do CREF. O que acredito que esteja errado na profissão foi essa estupidez que fizeram dividindo o antigo curso de licenciatura plena em Licenciado e Bacharel. Talvez, me parece seja esse o motivo do problema do prezado companheiro, pois como licenciado, segundo a lei vigente não poderá atuar com técnico de esporte, pois estará em desvio de função e no exercicio ilegal de profissão !! ( Deu pra entender, porque eu disse estupidez? Particularmente, aqueles que me conhecem, sabem que fiz um curso de 9 meses na EEF da Policia Militar, primeira do Brasil que nomes de março completou 100 anos, e me registrei no MEC como professor de EF - Licenciatura plena, tendo atuado na area escolar e como tecnico de esporte em minha vida profissional, por quase 50 anos, e com muito sucesso em ambos. Como disse o Prof. Tadeu, também conselheiro e advogado o ideal seria ouvir os dois lados, pois durante esses anos que tenho colaborado com o CREF, inclusive na Comissão de Ética, posso assegurar que o atendimento atual do CREF está para mais de cinco estrelas. Atenciosamente, Prof. MS Nestor Soares Publio CREF 05511-SP, Coronel da Policia Militar de SP e Prof. lMS da EEFE da USP, aposentado em ambos e ainda colaborando com os companheiros da profissão.

Por Clayton Cesar de Oliveira Borges
em 03-07-2010, às 14h13.

Prezado Professor Nestor, acredito que quem está redondamente enganado é o senhor. Tenho licenciatura plena em Educação Física, portanto, posso atuar em todas as áreas da Educação Física, porém, como atuo na área escolar, e sinceramente, nunca vi nenhuma atuação efetiva do CREF nessa área, a não ser em publicidade, nunca me interessei em ter o registro profissional.

Porém, como descrevi, passei num concurso que exige o CREF, e fiz uma procuração p/ minha esposa retirar o CREF para mim, o que aconteceu é que ela foi tratada de forma desrespeitosa e com arrogância, é lógico  que não podemos generalizar, acredito que tem muitos profissionais competentes tal como o senhor, porém, com o piso salarial da categoria, como pode o CREF cobrar uma anuidade tão cara? Digo mais, esse dinheiro deveria no mínimo ser revertido em descontos em capacitação profissional, etc.

Além do mais, o que significa o CREF emitir registro de provisionado! Isso é um grande absurdo sim, e nos faz pensar que o objetivo é financeiro sim, não existe argumentação plausivel para tal situação, e como o Prezado Professor pode observar, o comentário dos demais professores é favorável ao que escrevi.

Porém, como o Prezado Professor é membro do CREF, poderia nos dar maiores esclarecimentos, inclusive a respeito da divisão dos cursos em licenciado e bacharel , pois , como o senhor mesmo disse, é uma estupidez, e se não me engano, essa divisão dos cursos foi mais uma façanha do CREF/ CONFEF...

Por Rubens Guimaraes Pinheiro Silva
em 03-07-2010, às 14h36.

Prezado Clayton,

Vc tem que ver como funciona o Cref6, de Minas Gerais. Abraços.....

Por Nestor Soares Públio
em 03-07-2010, às 17h37.

Clayton, eu não gostaria de contiuar esse papo indo e vindo. Não morro de amor pelo CREF, mas como sempre fui muito disciplinado e sou educador por vocação, estou tentando colaborar com os profissionais dando minha colaboração de mais de 50 anos de experiencia. Grande parte das respostas que deseja saber, foram publicadas nas revistas do CREF e do CONFEF. Se entrar no site do CREF voce poderá localizar as leis que falam sobre os assuntos, principalmente sobre as artes marciais, educação fisica escolar (que por liminares o CREF não pode ainda fiscalizar), assim como da diferenças atuais  entre os Cursos de Licenciatura e  Bacharel, alguns cursos até irregulares que foram aprovados irregularmente pelo proprio MEC e que cria grandes problemas para aos CREFs de todo o Brasil.  Com relação a anuidade, embora eu não pague por ter mais de 70 anos, se voce verificar a cobrada por outros Conselhos, verificará que é a mais barata. Sobre os provisionados, estamos fazendo tudo para acabar com isso, mas também é lei, e quem cumpre as regras, tem todo direito de conseguir seu registro. Sinto muito o que aconteceu com voce e sua esposa, mas confirmo que o CREF está fazendo o melhor com sua Diretoria e Plenaria (composta com mais de 20 conselheiros) para continuar lutando pela categoria.Tentei lhe informar, procurando ser util e com as melhores intenções, mas não gostaria de ficar discutindo tal assunto pela internet, colocando-me assim como toda Diretoria para lhe prestar todos os esclarecimentos, embora como já tenha dito, anteriormente publicados nas revistas que até agora continuam sendo entregues com atrazo devido a diversos problemas até hoje não solucionados.

Por Clayton Cesar de Oliveira Borges
em 05-07-2010, às 00h34.

Caros Professores, para estimular mais ainda o debate sobre o CREF/CONFEF, sugiro leitura do texto do Prof. Paulo Murilo Alves Iracema -  Pofessor da UFRJ aposentado/Tecnico atuante de Basquetebol/Doutor em Ciências do Desporto – FMH -Lisboa/Licenciado em Ed.Física pela EEFD/UFRJ/Bacharel em Jornalismo audiovisual pela ECO/UFRJ


http://blog.paulomurilo.com/2010/06/27/tecnicos-por-atacado/


Por Carlos Oda
em 05-07-2010, às 09h48.

A leitura do texto do Prof. Paulo Murilo Alves Iracema reforça ainda mais o que penso a respeito do Cref e que postei neste ponto de encontro.

A existência do Cref como órgão regulador e de apoio ao profissional de educação física é real, mas é preciso rever muita coisa e principalmente esses custos. Cobrar R$ 800,00 e ministrar um curso desses que não é suficiente para capacitar ninguém, soa como uma simples venda de credencial. Exija-se que o clube tenha um profissional de educação física que, junto ao treinador, faça toda a programação de treinamentos e sejam responsáveis pela qualidade e quantidade ideais. Não há necessidade do treinador se credenciar, principalmente da forma como acontece. E nem vou comentar os tópicos abordados no curso, que já foi abordado de forma inteligente pelo Prof. Paulo.

abçs

Por Leopoldo Gil Dulcio Vaz
em 07-07-2010, às 08h20.

Pois é...

estou em Fortaleza, passando uns dias... tenho um tempo compartilhado num resort, em Porto das Dunas (Aqyiraz).

Nesse periodo de ferias, mantem uma euipe de recreadores e ulas de hidroginastica... há tres anos, o instrutor era um acasdemico de educção fisica, sem registro no cref... era academico... não era estagio,mas contrato de trbalho...

este ano, fui fazer aula de hiro... e conversando com o ’indtrutor’, fiquei sabendo que era academico... de agronomia!!!!!!

e o cref fica enchendo o saco da gente, que trabalha como professor de educaç~so fisica em escola e fica pegando no e de que ai, no Maranhão, não se cumpre a lei e a fiscalização é inocua... mas aqui, com fiscais e tudo, essas coisas acontecem...

Por Luiz Roberto Nuñes Padilla
em 13-07-2010, às 12h13.

Prezados:

Registro, aqui, o relato supreendente em http://cev.org.br/comunidade/legislacao/debate/sistema-confef-cref-uma-vergonha/ sobre as ingerências indevidas dos CREFs.

Sobre elas, e a intenção de assumirem controle de atividades, visando aumentar sua arrecadação, inclusive com episódios de contrangimento ilegal, pertinentemente as colocações do Poder Judíciário, que podem ser examinadas em

www.padilla.adv.br/cref

PS:

Estamos aditando a Introdução ao Direito Desportivo:

ttp://www.youtube.com/my_playlists?p=54CADE1688BDA91B

Aceitamos sugestões

Att.

Pád

Para comentar, é necessário ser cadastrado no CEV fazer parte dessa comunidade. Clique aqui para entrar.


:-)





© 1996-2021 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.