Efeito de Um Período de Polimento Sobre o Estado de Humor de Nadadores

Por: , , Maria Elisa Caputo Ferreira e Saulo Fernandes Melo de Oliveira.

Revista Brasileira de Educação Física e Esporte - v.31 - n.3 - 2017

Send to Kindle


Resumo

Parece haver relação positiva entre o estado de humor e o desempenho esportivo. Todavia, embora pesquisadores ressaltem que o polimento pode acarretar melhora do humor, cabe destacar que tal adaptação necessita ser confirmada a partir de achados científicos. Pouco se sabe a respeito do efeito do polimento sobre o estado de humor de atletas. O objetivo foi analisar o efeito do polimento sobre o estado de humor de nadadores. Participaram 62 atletas de natação do sexo masculino, divididos aleatoriamente em grupo experimental (GE) e controle (GC). Ambos os grupos fizeram a mesma planificação de treinamento até a fase do polimento. Somente o GE realizou o polimento. O polimento teve duração de 3 semanas, adotando-se o método de polimento linear. A Escala de Humor de Brunel (BRUMS) foi preenchida pelos atletas antes do início da temporada e na última semana de cada mesociclo. Conduziu-se a análise multivariada de covariância (MANOVA) de medidas repetidas para comparar as subescalas da BRUMS entre os grupos em função do mesociclo. Os resultados apresentaram efeitos de tempo (F(4, 58) = 34,02, p = 0,001) e grupo (F(2, 60) = 28,91, p = 0,001). De maneira geral, os achados do presente estudo revelaram o aumento do chamado perfil “iceberg” após o polimento para o GE. Concluiu-se que o polimento foi eficaz para melhorar o estado de humor de nadadores, com destaque para o aumento do vigor e diminuição da raiva, fadiga e depressão

Endereço: http://www.revistas.usp.br/rbefe/article/view/148552

Comentários


:-)





© 1996-2021 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.