Meta de Aprendizagem na Condição de Prática Autocontrolada: Efeito da Menor Restrição no Controle da Prática

Por: Leandro Rafael Leite.

87 páginas. 2018 23/03/2018

Send to Kindle


.Resumo


Uma das possíveis explicações para os efeitos benéficos da prática autocontrolada é que essa condição permite que os aprendizes elaborem e testem estratégias durante o processo de aprendizagem. Um estudo anterior nessa linha de investigação mostrou que fornecer uma meta de aprendizagem - informação sobre o contexto na qual a habilidade motora a ser aprendida será utilizada - em uma condição de prática autocontrolada modificou a elaboração de estratégias e também a aprendizagem da habilidade motora. No entanto, a restrição imposta pela condição de prática utilizada no referido estudo pode ter afetado o processo de elaboração de estratégias. Nesse sentido, o presente estudo teve como objetivo investigar os efeitos de uma condição que não restringe o número de tentativas em cada variação da tarefa (em cada possível velocidade de um estímulo visual) na elaboração de estratégias e na aprendizagem da habilidade motora. Adultos jovens entre 18 e 35 anos (n = 30), sem experiência na tarefa, participaram do Experimento 1 como voluntários. Foram separados em dois grupos: Meta, no qual os participantes foram informados sobre a meta de aprendizagem; Sem Meta, no qual os participantes não receberam meta de aprendizagem. A tarefa consistiu em sincronizar o pressionamento de um botão com a chegada de um alvo móvel a um retângulo de contato. Havia três velocidades possíveis para o alvo móvel, sendo a organização de prática das velocidades - quantidade de tentativas em cada velocidade e ordem - escolhida pelos aprendizes. Todos os participantes realizaram 90 tentativas de prática. Imediatamente após o término da prática, foram realizados os testes de transferência e, 24 horas após esses, o teste de retenção. Os resultados revelaram que os grupos utilizaram estratégias diferentes, mas nenhum efeito na aprendizagem foi encontrado. O Experimento 2 teve por objetivo investigar os efeitos da organização de prática gerada pelos participantes dos grupos Meta e Sem Meta, na ausência dos processos de tomada de decisão envolvidos no controle da prática. O equipamento, a tarefa e as fases do estudo foram os mesmos utilizados no Experimento 1. Os dois grupos yoked (Meta Yoked e Sem Meta Yoked), praticaram a tarefa com a organização das velocidades pareada aos seus respectivos grupos experimentais do Experimento 1. Participaram do estudo 30 adultos jovens entre 18 e 35 anos, pareados por sexo e sem experiência na tarefa. Os resultados mostraram que apenas o grupo Meta foi superior ao seu respectivo grupo yoked (Meta Yoked) no teste de retenção, indicando que a estrutura de prática resultante das estratégias elaboradas pelo grupo Meta não favoreceu a formação de memória de longo prazo na ausência do processo de tomada de decisão referente à organização da prática. Os dados dos dois experimentos indicam que a meta de aprendizagem modifica o processo de elaboração de estratégias e que receber apenas uma meta da tarefa não é suficiente para desencadear os efeitos benéficos que têm sido atribuídos a condições de prática autocontrolada
 

Endereço: https://teses.usp.br/teses/disponiveis/39/39136/tde-18062018-112420/pt-br.php

Ver Arquivo (PDF)

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2021 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.